Atividade física se torna muito mais efetiva se 7 alimentos estiverem em sua rotina

exercicio musculacao suor 0418 1400x800
Pressmaster/Shutterstock

O exercício físico é uma atividade que, além de manter o corpo em forma, ajuda a relaxar, liberando o estresse acumulado durante o dia.

Mas para ter um equilíbrio em nosso corpo, apenas a realização de exercícios não é suficiente: as atividades devem ser acompanhadas por uma boa rotina de sono e uma dieta saudável.

Geralmente, a dieta ideal para quem se exercita deve ser rica em proteínas, água, minerais, vitaminas e gorduras saudáveis, mas isso dependerá do objetivo de cada pessoa, seja para perder peso ou definir uma massa muscular.

aderezos nutritivos para ensaladas2
Photo by Jez Timms on Unsplash

O exercício físico pode determinar a necessidade de energia de cada pessoa, conforme considerado pelos especialistas da Mayo Clinic, que afirmam ser necessário tomar café da manhã pelo menos uma hora antes de iniciar a atividade física, caso ela seja praticada logo ao acordar, além de incorporar frutas e legumes em abundância no cardápio.

No caso de refeições grandes, é melhor fazê-las cerca de 4 horas antes de iniciar o exercício, para dar tempo ao trabalho do sistema digestivo. Quanto aos lanches, os especialistas apontam que você pode consumi-los pelo menos uma hora antes de uma atividade.

As saladas podem funcionar como uma refeição completa para os atletas, pois possuem os nutrientes, fibras e água necessários para cobrir o consumo de energia.

Ensaladas%20para%20A%C3%B1o%20nuevo2
martinturzak - RF - Thinkstock

Uma das vantagens desses pratos é a facilidade de preparo, além da possibilidade de variação, incluindo não somente vegetais, como também frango, atum ou queijo como proteína.

Alimentos essenciais para quem faz exercício

Os especialistas em nutrição recomendam o consumo dos seguintes alimentos para ajudar na recuperação da perda de massa muscular causada pelo exercício:

Ovo cozido: é uma fonte rica de proteínas e fornece pouco mais de 150 calorias por unidade, além de aminoácidos, biotina, vitamina B12 e minerais como fósforo e zinco.

aguacate 0
Anunc / Shutterstock

Abacate: é um bom antioxidante, reduz o colesterol, contém ômega 3, sódio, potássio, vitamina A, cálcio, magnésio e ferro, também causa sensação de saciedade, o que ajuda o indivíduo a comer menos e a perder peso.

Carnes brancas: frango, peru e coelho são considerados boas opções por terem pouca gordura, serem fontes de vitaminas do complexo B e por ajudarem a fortalecer o tônus muscular.

Húmus: este alimento à base de grão-de-bico é aliado na eliminação de gordura abdominal, protege os ossos e tem um baixo teor de gordura.

como hacer hummus autentico 3
NatashaPhoto/iStock/Thinkstock

Banana: é uma das principais fontes de potássio e reabastece os níveis de glicose, além de possuir as vitaminas necessárias para contribuir para a recuperação muscular.

Quinoa: alimento rico em proteínas, fibras e antioxidantes que ajudam a afastar a fome, além de facilitar a digestão.

Arroz integral: ajuda a recuperar a mucosa intestinal devido à sua grande quantidade de aminoácidos e fibras.

desayunar platano es malo
Antonova Anna via shutterstock

Alimentação e saúde

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Sebastián Pérez.