Diga NÃO à dieta para emagrecer: nutricionista diz por que não cair nessa armadilha

alimentacion saludable43
Henrique Félix via Unsplash

Há décadas, um dos assuntos que mais vende é o "melhor caminho" (leia-se mais rápido, não mais saudável) para perder peso: milhares de dietas foram formuladas com o objetivo de atingir uma magreza que vários consideram ideal. As pessoas não querem apenas perder peso, elas também sentem dever.

Mas devemos questionar os padrões de beleza e estabelecer uma luta firme contra a gordofobia. Liberte-se das dietas e obsessões com o corpo para criar hábitos sustentáveis ​​e consolidar um equilíbrio saudável, sem excessos e sem restrições.

Por que dizer não às dietas

VIX conversou com a Virginia Busnelli, especialista em nutrição e diretora do Centro de Endocrinologia e Nutrição CRENYF, de Buenos Aires, que pergunta: por que temos que ser iguais, comer a mesma coisa ao mesmo tempo e cuidar de nós mesmos da mesma maneira? Para ser "magra e musculosa"?

figura humana
Photo by Kira auf der Heide on Unsplash

Transtornos alimentares na sociedade de hoje

O atual cânone de beleza tira a vida de muitas pessoas, ano após ano, especialmente meninas e adolescentes que se enquadram nos padrões de anorexia nervosa, bulimia e outros transtornos alimentares perigosos. Estes são padrões extremos de comportamento que abrangem muitos sintomas externos à dieta, como a distorção da imagem corporal e um grande medo de ganhar peso.

Estima-se que entre 0,7% e 3,5% das mulheres sofrem de anorexia nervosa em algum momento de suas vidas. Esta doença leva mais mortes do que qualquer outro transtorno mental, devido à desnutrição ou suicídio, de acordo com a organização Mirror Mirror.

anorexia 2
Photo by Olenka Kotyk on Unsplash

Hoje em dia, a vida online não ajuda: a presença de conteúdo que favorece a anorexia em redes sociais como Instagram e Tumblr aumenta cada vez mais. "Se você quer essas pernas, você não deve comer", ou "Nenhuma comida vai te satisfazer mais do que ser magra", são frases que acompanham imagens (retocadas) de mulheres que são quase pele e osso. Eles recebem milhares de comentários como: "Eu me sinto tão gorda".

As garotas que caem nessa armadilha geralmente não têm mais de 15 anos de idade. Elas definem seu peso alvo e têm isso em mente o tempo todo. Isso geralmente é em torno de 40 kg a 45 kg. Se elas alcançam esse número, querem emagrecer ainda mais. O sentimento de recompensa é viciante e perigoso.

instagram celular
Photo by Georgia de Lotz on Unsplash

Por que parar de fazer dieta?

Dieta é estressante para o corpo e para a mente, diz Lauren Fowler, nutricionista especializada em transtornos alimentares. Primeiro, a proibição não funciona. A mentalidade proibitiva inevitavelmente resulta, mais cedo ou mais tarde, em cometer excesso com os tais alimentos "proibidos". Combina-se com o pensamento de "tudo ou nada", que obriga a comer, em vez de um pedaço de chocolate, todo o pacote, para iniciar a dieta novamente no dia seguinte. Sem dieta, nenhum alimento tem mais poder que outro.

A longo prazo, a dieta está associada ao ganho de peso. O ciclo de proibições e excessos que se repete leva a uma perda de contato com os sinais intuitivos do corpo, como sentir fome ou estar satisfeito. Portanto, a satisfação de ter comido e a sensação de saciedade também se perde.

comida bol mujer 0
Foxys Forest Manufacture/Shutterstock

Dietas são baseadas em números. Elas geralmente não passam pela saúde, mas visam apenas um número exato em uma escala, quando esta é uma medida imprecisa. A pessoa calcula seu metabolismo basal, calorias queimadas quando se exercita e até mesmo a energia que gasta quando dorme, sem levar em conta que esses números podem ser variáveis.

As dietas também não levam em conta que comer é uma necessidade emocional. Desde que nascemos, o contato com os outros inclui alimentos: nosso primeiro contato físico com outro ser é com nossa mãe quando somos amamentados. Também como adultos, os humanos celebram em torno da comida, o que para nós é um símbolo de amor. Tem sido assim há milhares de anos.

comer pizza
Photo by gbarkz on Unsplash

Finalmente, a dieta nos impede de estar no momento presente, porque estamos sempre preocupados com quando podemos comer e o que vamos comer. O melhor benefício de deixar a dieta: deixar de lado a preocupação com a comida e começar a viver e aproveitar verdadeiramente a sua vida.

Exceto se for um regime para uma situação particular que tem um começo e um fim, a palavra dieta não deveria mais ser usada.

Dicas para alcançar o equilíbrio

  • Evite pular refeições. Coma quatro vezes ao dia, incorporando uma variedade de alimentos em cada refeição
  • Tome café da manhã. Na linha do conselho anterior, é aconselhável quebrar o jejum noturno de manhã para começar o dia com mais energia
  • Coma frutas e verduras. Quanto mais cores, melhor, já que cada cor indica diferentes vitaminas e minerais.
ensalada verduras
Photo by Nadine Primeau on Unsplash
  • Tire um tempo da semana semana para cozinhar e congelar refeições saudáveis
  • Use menos sal. Para isso, é ideal comer comida caseira com diversas ervas aromáticas e especiarias, em vez de optar pelo delivery ou ir a restaurantes, já que o alimento preparado fora pode ter uma grande quantidade de sal para aumentar seu sabor
  • Vá ao supermercado sem fome. Faça uma compra inteligente, sem fome, para poder pensar melhor sobre o que você vai levar. Desta forma, você terá um armário e uma geladeira cheios de produtos saudáveis para evitar cair em tentações.
  • Beba mais água. Se você está com sede, o melhor conselho é beber água. Tente reduzir o consumo de outras bebidas, mesmo que elas sejam diet ou "zero calorias".
vaso agua
Photo by Clint McKoy on Unsplash
  • Faça exercício regularmente. Durante o dia, procure caminhar, andar de bicicleta ou subir as escadas quando precisar se deslocar de um lugar para outro. Encontre uma atividade física que goste e que você possa fazer regularmente, para não perder o hábito.
  • Cultive a paz com o seu corpo. Ria de si mesmo, sorria, aproveite a vida e não ponha em perigo seu corpo por um ideal inatingível.

Alimentação e saúde

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Carina Giordano.