Se você quer que dieta dê certo, estas são 3 perguntas que deve se fazer antes de tudo

dieta duvida 1218 1400x800
pathdoc/Shutterstock

Quem deseja emagrecer tem à sua disposição um catálogo imenso de dietas possíveis, com as mais distintas promessas. Muitas pessoas acabam caindo na setor de “dietas milagrosas”, ou aquelas que possuem altas restrições alimentares, mas antes de embarcar em uma nova rotina alimentar é essencial fazer alguns questionamentos sobre o que você espera dessa dieta.

De acordo com Rodrigo Polesso, especialista em emagrecimento, antes de começar uma dieta é preciso validá-la por meio de três perguntas básicas.

Perguntas que antecedem a dieta

A dieta tem como foco o controle de insulina no sangue?

garfo dieta 1218 1400x800
Africa Studio/Shutterstock

O especialista explica que nenhuma dieta ou método que não controle a insulina no sangue irá funcionar em longo prazo. Isso porque, para que os hormônios que queimam a gordura funcionem, a insulina precisa atuar de forma natural. Ou seja, se houver muita insulina correndo no sangue, o organismo não vai queimar gordura.

Carboidratos densos (pães, massas, batatas, arroz, doces etc) são os responsáveis pelos picos de insulina no sangue. Então esses alimentos precisam ser controlados. Por outro lado, destaca Polesso, se a dieta em questão corta os carboidratos totalmente e restringe a sua alimentação à somente poucos alimentos, isto também pode ser um problema. O que leva à segunda pergunta.

A dieta fornece ao corpo todas as vitaminas e nutrientes necessários para que tenha boa saúde?

cardapio tabela 1218 1400x800
designer491/Shutterstock

Ao escolher uma dieta é considerar se ela promove o consumo de alimentos ‘de verdade’, ou seja, carnes, legumes, ovos, folhas, frutas (com moderação). Ele destaca que produtos derivados de farinhas (de trigo, principalmente), como pães, massas, mesmo que integrais; iogurtes artificiais; suplementos; e shakes não se enquadram entre esses alimentos.

“Se a tal dieta limitar seu consumo de alimentos ‘de verdade’, levante a bandeira vermelha”, destaca o especialista. No que diz respeito ao emagrecimento precisamos lembrar que, ao contrário do que dizem, não precisamos emagrecer para ficarmos saudáveis, mas, sim, ficarmos saudáveis para podermos emagrecer. Isto porque, além do emagrecimento sustentável, o objetivo com a dieta é a melhora da saúde e o fortalecimento interno, com ganho de disposição. O que leva à última pergunta:

A dieta proporciona satisfação, disposição e é simples?

dieta mulher 1218 1400x800
Yuriy Maksymiv/Shutterstock

Esse ponto é importante porque se a dieta o deixar com fome durante o dia ou à noite, isto não é um bom sinal. Possivelmente o metabolismo de seu organismo será afetado negativamente, mais cedo ou mais tarde por conta disso. Segundo Polesso, o corpo tende a adaptar-se a estes novos hábitos e atingir o chamado “efeito platô”, ou seja, parar de emagrecer.

A chave da questão

Para Polesso, a solução para o emagrecimento e para a manutenção do peso ideal não se encontra na dieta x ou y, mas na adoção de um estilo de vida saudável, verdadeiramente embasado no que a ciência sabe atualmente sobre nutrição, emagrecimento e boa forma.

Vida saudável