mulher

Perda de peso e história de superação desta mulher impressionam: dieta é das mais fáceis

Entre as diversas histórias de pessoas que conseguiram emagrecer muito e de forma impressionante, a da ex-atriz norte-americana Jenna Jameson se destaca.

A partir de um método de emagrecimento simples e bastante conhecido, Jenna perdeu 25 kg em um intervalo de quatro meses e mais do que isso: conseguiu reunir forças para superar problemas sérios que enfrentava com sua saúde mental.

A seguir, veja detalhes de sua história e saiba os cuidados necessários para seguir o tipo de alimentação que a emagreceu.

Jenna Jameson, a mulher que emagreceu 25 kg em 4 meses

O Instagram é o canal encontrado por Jenna para compartilhar alguns pontos de sua transformação corporal. A norte-americana ficou conhecida por atuar na indústria pornográfica e, posteriormente, se tornou influenciadora digital.

Na rede social, ela divide com seus seguidores as emoções que sentia antes da redução de peso e as novas sensações proporcionadas pelas mudanças em seu corpo.

“Eu era letárgica e tinha medo de realizar atividades físicas simples, como andar na praia com Batelli [seu filho]. Eu me sentia lerda mental e fisicamente”, escreve Jenna na legenda da foto em que compartilha dois momentos de sua vida: um pesando 84 kg e o outro, com 58 kg.

Emagrecimento: jejum intermitente + dieta cetogênica

Segundo Jenna, o resultado conquistado por ela foi obtido através da dieta cetogênica, considerada uma das mais fáceis de seguir por não restringir o consumo de calorias e por incluir alimentos prazerosos, como queijos, bacon, castanhas e outras fontes de gordura animal e vegetal.

Mais recentemente, a norte-americana combinou o plano alimentar com o método do jejum intermitente. Assim, ela faz todas as refeições do dia entre 11h e 18h, ficando 17 horas em jejum.

O resultado tem sido positivo não só para seu bem-estar físico, mas também para sua saúde mental. “Estou há quatro meses na dieta cetogênica e ela tem me dado não só resultado físicos, mas me sinto mais feliz, esperta e muito mais confiante.”

Superação: dependência química e depressão

A saúde mental, aliás, é um tema recorrente no Instagram de Jenna. Isso porque a ex-atriz tem um histórico de abuso, depressão, estresse pós-traumático e dependência química e alcoólica, que culminaram em uma grande autodepreciação e falta de amor-próprio.

Em seus posts, é comum vê-la compartilhando como foi difícil sua luta para conquistar a autoestima e vencer os vícios. Jenna conta que por muito tempo se sentia julgada pelas pessoas por apresentar o corpo que tinha – o que contribuiu para seu quadro de depressão. “Quando eu era mais pesada, odiava sair de casa. Sentia olhos sobre mim o tempo todo.”

E, apesar de sua jornada por um corpo mais saudável ter contribuído para manter a mente sã, a norte-americana admite que controlar o peso e a dependência ao mesmo tempo não é nada fácil.

“Eu era preocupada em não conseguir perder peso se estivesse sóbria. Quando eu estava sob dependência, era muito fácil permanecer magra. Estar sóbria e acima do peso era uma novidade para mim”, conta sobre o início de sua transformação física e mental.

Ainda de acordo com Jenna, a chegada de seu bebê foi outro grande incentivo para que focasse em conquistar uma vida mais saudável e estável.

Atualmente, ela comemora sua vitórias contra todas as dificuldades. “Hoje em dia posso dizer que minha saúde mental é forte. Sinto que posso fazer de tudo. EU venci o abuso, a dependência química, o estresse pós-traumático e a depressão.”

Dieta de Jenna: entenda melhor

A dieta cetogênica, uma versão da “low carb”, feita por Jenna para conquistar a redução de peso consiste em uma alimentação com consumo grande de gordura e baixa ingestão de carboidratos.

Cerca de 75% da alimentação proposta pela dieta cetogênica tem como base fontes de gorduras boas, como óleo de coco, abacate e oleaginosas, 15% a 20% é composta por proteína (animal ou vegetal) e 5 a 10% por carboidratos de baixo índice glicêmico.

O nome da dieta vem da palavra “cetose”, que se refere à fase em que o organismo transforma as gorduras ingeridas em ácidos graxos e corpos cetônicos, que vai se transformar em energia para as atividades do dia a dia.

dieta da proteina 0916 1400x800
MaraZe/Shutterstock

Já o jejum intermitente consiste em um protocolo de alimentação - e não uma dieta em si - que propõe a limitação do período do dia em que as refeições são realizadas. O mais conhecido é o 16/8, em que o praticante se alimenta durante 8 horas do dia e passa as restantes 16 sem comer nada, podendo apenas ingerir água, chás e café sem açúcar.

Na janela de refeições, pode-se comer o que quiser, mas a maioria dos praticantes opta por seguir uma dieta cetogênica devido ao alto nível de saciedade que ela garante, tornando o período do jejum mais tranquilo.

Ela é rica em alimentos naturais e conta com uma boa quantidade de gorduras e proteínas, além de quantias baixas de carboidrato. No caso de Jenna, um dia comum em seu regime consiste em:

  • Café da manhã: 3 ovos com queijo e um avocado
  • Almoço (maior refeição): salada de rúcula, aspargos ou abobrinhas grelhadas e uma carne (geralmente hambúrguer ou frango grelhado)
  • Lanche (somente se houver fome): amêndoas ou macadâmias ou queijo cottage
  • Durante o jejum: água e café puro (sem açúcar)

Cuidados

comida saudavel dieta 0118 1400x800
Yuri_Arcurs/istock

É importante que a pessoa que deseja realizar a dieta cetogênica a faça sob supervisão de um nutricionista, uma vez que não são todas as pessoas que têm condições de seguir o modelo alimentar.

Também não é recomendado que a dieta seja realizada por mais do que 30 dias sem recomendação de um médico, já que há restrições de alguns alimentos. Segundo a endocrinologista Lorena Lima, pessoas com diabetes, hipertensão arterial e problemas renais, assim como gestantes, idosos e crianças têm, a princípio, contraindicação ao regime.

Um alerta similar é feito para o jejum intermitente: a quantidade de vezes por semana ou por quantas semanas o protocolo deve ser seguido são fatores que variam de acordo com o indivíduo e seu objetivo. Por esse motivo, é necessário sempre a consulta de um especialista para indicar a melhor rotina para o indivíduo.

Mais de Jenna Jameson

Histórias inspiradoras