mulher

2 comidinhas saudáveis (e bem práticas) que Marina leva ao trabalho para manter dieta

marina ruy barbosa 0318 1400x800 0
Raquel Cunha/TvGlobo

A atriz Marina Ruy Barbosa mostrou os snacks que leva para o trabalho para driblar a fome entre as refeições e não sair da dieta. Na bolsa térmica da atriz estão alguns alimentos-chave que ajudam a controlar a saciedade e que auxiliam no desejo de doces.

Lanches de Marina Ruy Barbosa para manter a dieta

A atriz mostrou os snacks que leva para as gravações da novela em seu InstaStories. Na publicação, ela mostra alguns dos alimentos que fazem parte da sua "marmita" diária. Dentre os alimentos, dois deles chamam atenção por serem muito práticos: mix de castanhase um pacote de banana desidratada com pasta de castanha-de-caju e cacau. 

Na foto, Marina também marcou sua nutricionista, Patrícia Davidson, que também atende Bruna Marquezine e outras famosas, para mostrar que mesmo diante de uma rotina cheia de compromissos, tenta manter a alimentação regrada.

View this post on Instagram

🔥

A post shared by Marina Ruy Barbosa (@marinaruybarbosa) on

Mix de castanhas

Segundo a nutricionista Márcia Loureiro, da Life Clínica de Campinas, mix de castanhas nos lanches intermediários ajuda a emagrecer e  são uma ótima saída para quem quer controlar a saciedade entre uma refeição e outra, ao mesmo tempo em que mantém o organismo ativo.

Isso porque são ricos em gorduras boas, que são responsáveis por manter o nível de açúcar no sangue estável e ativar o metabolismo da queima de gorduras, auxiliando no emagrecimento.

Além de ajudar a emagrecer, consumir castanhas e outras oleaginosas reduz o risco de desenvolver doenças cardiovasculares, reduz os níveis de triglicérides, diminui o colesterol e o risco de pressão arterial. Elas também ajudam na prevenção do câncer e podem até mesmo trazer benefícios para a pele e os cabelos e evitar o envelhecimento precoce.

Entretanto, é preciso cuidado na quantidade a ser ingerida, porque comer castanhas demais também pode engordar.

castanhas do para 1117 1400x800
Sharaf Maksumov/shutterstock

As sementes oleaginosas, como castanha-do-Pará, de caju, amêndoas, avelã, nozes e macadâmia, devem ser limitadas a, no máximo, seis unidades por dia, que correspondem a menos de 100 kcal.

Banana desidratada + pasta de castanha

De forma geral, frutas desidratadas sem adição de açúcar em forma de chips ou inteiras são ótimas opções para quem está de dieta.

Cerca de 20 g dos frutos secos - 1/2 banana, 1 figo, 1 ameixa ou 1 colher de sopa de uvas passas - têm, em média, 50 calorias. Além disso, são mais doces do que a versão in natura, auxiliando quem sente muito desejo por açúcar no dia a dia.

banana pasta amendoim 0817 1400x800
Stepan Popov/shutterstock

Já as pastas de amendoim ou de castanhasão ricas em gorduras boas, que contribuem com a regulação do colesterol e a prevenção de doenças do coração.

Além do mais, o alimento tem carboidratos de baixo índice glicêmico, ou seja, fornece energia de maneira contínua, evitando cansaço, picos de açúcar no sangue (processo que favorece acúmulo de gordura abdominal) e fome entre as refeições. Ele também é rico em proteínas: ao todo, são 27 gramas a cada 100 gramas de amendoim.

A combinação de banana com creme de amendoim é apreciada até mesmo por quem não faz dieta, de tão saborosa. Ainda é possível encontrar versões com inúmeros sabores, como cacau - escolha de Marina -, açúcar de coco, mel, açaí e outros.

Dietas das famosas: