mulher

Jejum intermitente ou contar calorias? Cientistas descobriram o que é mais eficaz

dieta fitness para emagrecer 1400x800 0217
Vladyslav Starozhylov/shutterstock

Famosa e bastante controversa, a dieta do jejum intermitente - também chamada de dieta do jejum prolongado – é seguida por diversas celebridades e promete a perda de até 1,5kg em apenas uma semana.

O método consiste em fazer apenas uma refeição a cada 12 horas, com foco na utilização do estoque de gordura do corpo, em vez da contagem de calorias, mais comum nos regimes tradicionais. Um recente estudo, divulgado pelo JAMA Internal Medicine comprovou, no entanto, que a dieta mais radical não é tão eficaz quanto se imaginava.

Jejum intermitente x contagem de calorias

dieta fome jejum 0517 1400x800
PathDoc/Shutterstock

Para verificar a eficácia de diferentes planos alimentares na perda de peso, um trabalho científico feito pela Universidade de Illinois, EUA, acompanhou durante o período de seis meses 100 pessoas acima do peso que seguiram três dietas: do jejum intermitente, contagem de calorias e alimentação normal. Entre os voluntários, 86% eram do sexo feminino.

A pesquisa descobriu que os participantes que seguiram a dieta do jejum intermitente apresentaram a mesma perda de peso do que aqueles que apostaram no regime de contagem de calorias durante os seis meses de acompanhamento.

Além de não trazer grandes benefícios para a perda de peso, a dieta do jejum prolongado ainda é alvo de críticas de profissionais da saúde que afirmam que passar muitas horas sem comer prejudica o funcionamento do organismo e ainda promove efeito sanfona, pois seus adeptos raramente conseguem seguir a rígida rotina alimentar por muito tempo.

Como emagrecer com saúde