explore

Padre Fábio conta como Luana Muniz marcou sua vida: fala é de amor ao próximo

O Padre Fábio de Melo participou do documentário "Filha da Lua", que conta a história da travesti Luana Muniz, que ficou conhecida pelo bordão “Travesti não é bagunça” e após aparecer ao lado do religioso em suas redes sociais.

No teaser do documentário, Padre Fábio conta brevemente como foi sua relação de amizade com Luana e afirma que ela foi uma pessoa que marcou sua vida.

Padre Fábio fala sobre amizade com Luana Muniz

A estreia do documentário sobre a vida de Luana Muniz será no dia 12 de agosto, mas o teaser já foi lançado e um dos famosos que fala um pouco sobre a travesti, é Padre Fábio de Melo.

Os dois se conheceram em 2015, na quadra da escola de samba da Mangueira, no Rio de Janeiro. Neste mesmo dia, Luana pediu para tirar uma foto com o religioso.

Quem apresentou os dois foi a cantora Alcione e o sacerdote posou ao lado da travesti sem nenhum problema e a foto circulou bastante na mídia, deixando Luana ainda mais conhecida.

A partir daquele dia, eles se tornaram amigos e o religioso conheceu o trabalho social realizado por ela na Lapa, no Centro do Rio, que capacitava transexuais e travestis para o trabalho formal.

Segundo Padre Fábio, a amizade de Luana se tornou essencial: "Foi um ser humano que marcou minha vida", afirmou durante a gravação do documentário.

A amizade foi interrompida com a partida de Luana, que morreu em 2017, após uma parada cardiorrespiratória, mas Padre Fábio revelou que ainda guarda conversas e mensagens que trocava com ela.

"Se um dia nós aprendêssemos que, apesar de termos vidas diferentes, nós temos sentimentos semelhantes e sofremos as mesmas dores, o mundo começa a ficar melhor. Eu me tornei parceiro da obra dela. Ficamos amigos, de nos falarmos semanalmente. Não consigo apagar as mensagens de voz dela até hoje", contou.

Mais sobre Padre Fábio de Melo