mulher

Ator homenageia Nick Cordero após sua morte e relembra última mensagem do amigo

Instagram

No último final de semana, o astro da Broadway Nick Cordero morreu após quase 100 dias internado por sequelas da COVID-19 e, diante da triste notícia, um dos melhores amigos do ator, Zach Braff, prestou uma bela homenagem para ele, revelando que nunca deixará de cuidar da esposa e do filho de Nick – algo que ele mesmo pediu quando foi para o hospital.

Amigo de Nick Cordero homenageia o amigo

Em março, Nick Cordero contraiu COVID-19 e teve de ficar no hospital, onde foi intubado e ficou inconsciente por um período. Em abril, devido ao fato de que os médicos precisaram suspender as medicações anticoagulantes, uma das pernas do astro teve de ser amputada e, apesar de ele ter eventualmente se livrado do novo coronavírus, não resistiu às complicações causadas pela doença.

nick cordero amanda kloots 0720 1400x800
Noam Galai/Correspondente/Getty Images

Diante da morte de Nick, muitos o homenagearam, e uma destas pessoas foi Zach Braff, também ator e mais conhecido por seu papel no seriado “Scrubs”.

Em seu perfil no Instagram, ele já vinha publicando atualizações sobre o estado de saúde do grande amigo e, após o falecimento, Zach compartilhou uma homenagem, garantindo que irá cumprir o que prometeu a Nick.

zach braff 0720 1400x800
Dia Dipasupil/Equipe/Getty Images

Junto de uma foto em que Nick aparece com Amanda Kloots, sua esposa, Zach o descreveu e relembrou o que o amigo disse quando foi internado. “Eu honestamente nunca conheci uma pessoa mais gentil. Mas COVID não liga para a pureza da sua alma, ou para a bondade do seu coração. A última mensagem que ele me mandou foi [dizendo] para eu cuidar de sua esposa e filho de um ano, Elvis”, disse.

Esta promessa, conforme escreveu Zach, é algo que ele pretende cumprir. “Eu prometo ao mundo que nunca vai faltar nada a eles”, afirmou, deixando um último recado ao amigo. “Eu me sinto incrivelmente grato por Nick Cordero ter entrado na minha vida. Descanse em paz”, afirmou.

Veja o post na íntegra (em inglês):

Nick Cordero