Aguinaldo Silva critica ex-BBB por fazer festa sem álcool e ele responde revelando vício

vagner lara vava bbb 1119 1400x800
Thiago Duran/AgNews

Recentemente, Vagner Lara, ex-participante do “Big Brother Brasil” de 2014 que é mais conhecido como Vavá, fez um baile de máscaras para celebrar o aniversário e chamou a atenção de muita gente ao não servir álcool na comemoração - inclusive do diretor e telenovelista Aguinaldo Silva, que o criticou e recebeu uma resposta bastante importante sobre o porquê desta decisão.

Vavá se abre sobre problemas com álcool

Em seu perfil no Twitter, Aguinaldo publicou uma mensagem ofensiva que não cita Vavá, mas que foi automaticamente relacionada com o ex-BBB tanto por internautas quanto por veículos de mídia. Na rede social, ele escreveu:

Diante da crítica, Vavá foi sincero ao afirmar, em entrevista ao “TV Fama” (RedeTV!), que já teve problemas com álcool, e que sua decisão se baseia apenas no fato de que, hoje, ele não bebe mais. “Você, vegana, vai dar uma festa e servir um churrasco? Não tem cabimento, não tem lógica”, comparou o ex-BBB, explicando que não bebe álcool desde que teve problemas com isso.

“Eu tenho problemas com álcool desde que comecei a beber pela primeira vez. Tenho uma imagem que não sai da minha cabeça, com nove anos, já bêbado. Isso é muito complicado. Eu fui ganhando esse problema ao longo do tempo, aí fui procurar ajuda”, afirmou, ressaltando que teve sua vida social e profissional prejudicada pelo exagero com as bebidas.

vava bbb festa convidados 1119 1400x800
Thiago Duran/AgNews

“Eu fui convidado para as melhores festas depois que saí do programa, e perdia as melhores bebendo. Eu bebia, perdia noites, perdia trabalhos, ficava de ressaca, mal. Quando aquilo começou a me incomodar realmente, fui procurar ajuda, porque não estava normal”, disse o ex-BBB, explicando que, desde então, é membro de uma “irmandade” em que não se aceita o álcool.

Além de afirmar que, atualmente, se sente muito melhor, Vavá também fez uma reflexão sobre o mal causado pela bebida. “Álcool e cigarro, se não fossem drogas, crianças poderiam utilizar. Quando você bebe na frente de uma criança, está dizendo para ela que é normal. Ela vai crescer achando que é. Hoje, eu vivo pleno, nunca mais levantei de ressaca, não perdi mais trabalho”, concluiu.

vava bbb festa mascaras 1119 1400x800
Thiago Duran/AgNews

Alcoolismo