mulher

O que disseram a Kelly Key a fez desabafar sobre sexualização da amamentação

Amamentar um filho é um ato completamente natural e certamente forma um vínculo físico e emocional bastante único entre mãe e bebê. Apesar disso, ainda há pessoas machistas e imaturas que não conseguem enxergar o seio como uma simples (ainda que importante) parte do corpo e insistem em encará-lo como algo sexual.

Isso, porém, não acontece apenas quando mães tentam amamentar em público. Usando seu Instagram, a cantora Kelly Key mostrou diversos momentos fofos do filho mais novo, Artur, que incluíam alguns vídeos em que o pequeno fingia estar mamando. Após as publicações, Kelly recebeu mensagens impróprias que a fizeram deixar uma reflexão muito válida tanto para homens quanto para mulheres.

Kelly Key dá lição sobre amamentação (e respeito)

Após dar banho no filho, Kelly passou alguns momentos se divertindo com ele e mostrando que, apesar de não mamar mais, ele ainda finge estar fazendo isso, e “brinca” com os seios dela. “Ele adora fingir que mama. Nem parece que foi ele mesmo que largou e nem quis saber mais de peitinho da mamãe”, disse ela em uma das publicações feitas com a ferramenta Stories do Instagram.

Depois disso, porém, a cantora surgiu mais séria, dizendo ter recebido mensagens desagradáveis de homens e dando a entender que elas tinham teor sexual. “Essa cena do peito é fofinha para quem é mãe, mas tem uns caras com outra intenção. Dois me mandaram uma mensagem bem ‘legal’. Fui entrar no perfil, ambos casados”, disse ela, cogitando mandar as mensagens para as esposas deles.

Junto do vídeo, Kelly deixou uma enquete para os seguidores decidirem se ela alertava ou não as mulheres, e passou a receber mais mensagens falando sobre o que aconteceu. Para uma de suas seguidoras, ela não devia mostrar a relação do filho com seus seios. “Tadinho deles... Só reagiram a sua exposição. Se expõe menos tá”, aconselhou ela.

A cantora então decidiu usar a fala da seguidora para fazer uma reflexão importante para mostrar que o corpo da mulher, seja lá como estiver, não é um convite para homens o tocarem, comentarem ou sequer se aproximarem. Em resposta à mulher, ela escreveu: “Por anos mulheres vivem oprimidas! Tadinhas das mulheres que perdem a liberdade (e se privam de coisas) por conta de homens que não conseguem controlar a tal testosterona!!!”, escreveu a cantora.

“Nada do que coloquei ontem considero exposição! Amamentar é natural! A relação seio/filhos é única! Eles [homens] tiveram uma atitude desrespeitosa e todas nós deveríamos pensar igual para que homens nojentos como estes mudem seus comportamentos”, afirmou, deixando também um conselho valioso a outras mamães e papais. “Vamos educar diferente essa nova geração de meninos”, disse ela.

Kelly Key: alimentação, família e mais