Marte rege 2019 e você pode se preparar para brigas, grandes começos e muito sexo

Vadim Sadovski / Shutterstock

Para muitos, 2018 foi uma verdadeira montanha-russa de emoções, mas quem acha que 2019 trará ares muito mais tranquilos está enganado. Para uma vertente da astrologia, os anos são regidos por planetas, e a influência de Marte sobre o ano que está por vir promete intensificar ainda mais a polarização da sociedade e a sede por mudanças.

O planeta que rege a guerra e a sexualidade, porém, não é o único que exercerá uma influência significativa sobre a sociedade em 2019. De acordo com a astróloga Virginia Gaia, além dele, Júpiter, Saturno, Plutão e Urano também entram na dança em trânsitos que indicam inovação, ideologias afloradas e muita expectativa sobre crenças.

Planeta que rege 2019: Marte

Conforme explica a astróloga Virginia Gaia, o ano que bate à porta é de atitude. Segundo a especialista, Marte é um planeta que simboliza grandes começos e individualidade, algo que indica a tendência de as pessoas quererem colocar a mão na massa e se empenharem em tomar iniciativas.

É preciso, porém, tomar cuidado na hora de expressar toda essa sede de mudanças. “É um ano para se ter atitude, mas isso pode deixar as pessoas um pouco tensas, ansiosas. É uma ânsia de começar tudo, de querer tudo, de transformar tudo, de querer fazer tudo ao mesmo tempo aqui e agora”, diz a astróloga, lembrando o que Marte representa.

terra marte astrologia 1400x800
Dotted Yeti/Shutterstock

“A gente tem que começar as coisas, mas tomando cuidado para que isso não se transforme em vontade de se impor e acabe gerando um pouco de atrito. Não podemos esquecer que Marte também é o regente da guerra. Não significa que a gente vai ter uma guerra, mas teremos um ano muito passional”, afirma, se referindo à correspondência do planeta a Ares, deus da guerra na mitologia grega.

Virginia também afirma que, em meio à vontade de mudar, é natural que as pessoas se polarizem ainda mais. “É um ano de muita discussão ideológica sobre a melhor forma de transformar a sociedade. Isso vai se refletir na esfera política e na esfera social, as pessoas ficam muito apoiadas em crenças, visando uma melhor transformação da sociedade e dos governos”, comenta a astróloga.

Apesar dessas tendências mais inflamadas e tensas, há notícias boas tanto para quem está procurando uma cara-metade quanto para quem busca relacionamentos sem compromisso. Marte também é o regente do desejo sexual. “É um bom ano para assuntos de sexo, sedução e conquista”, pontua Virginia.

Influência de outros planetas em 2019

Apesar de Marte ser o regente do ano, Júpiter, Saturno, Plutão e Urano intensificam a propensão a mudanças no âmbito sócio cultural e representam uma influência intensa sobre diversos aspectos. Boa parte desses trânsitos já começou e Virginia também deu detalhes de como eles devem afetar as pessoas:

Júpiter em Sagitário

jupiter sagitario 1118 1400x800 0
Allexxandar/Shutterstock | Vadim Sadovski/Shutterstock

Conforme explica a astróloga, Júpiter intensifica a tendência de transformação e expansão trazida por Marte, fazendo com que as pessoas se apoiem ainda mais em crenças pessoais e ideologias. Segundo ela, é um bom momento para estudar e ampliar conhecimentos, mas todo o otimismo contido na sede de expansão pode ter um lado negativo.

“O risco de Júpiter passando por Sagitário é o das ilusões, das pessoas colocarem muita expectativa nas coisas, seja em líderes políticos, religiosos ou representantes sociais”, explica ela, ressaltando que o planeta pode trazer bastante fanatismo religioso ou ideológico.

Saturno e Plutão em Capricórnio

plutao saturno capricornio 0
Allexxandar/Shutterstock | NASA images/Shutterstock | Ezume Images/Shutterstock

Segundo Virginia, ambos os planetas já estão transitando neste signo (Plutão há mais tempo e Saturno há cerca de um ano) e ambos são considerados os grandes transformadores da astrologia, algo que também se soma às tendências trazidas por Marte e Júpiter.

Como estão em Capricórnio, porém, pode ser que estas transformações ocorram com um viés mais conservador ou gerem mais polarização. “A gente vai ter uma grande discussão do tipo: ‘Será que a gente tem de ter uma virada mais conservadora ou ir para um extremo oposto?’. A sociedade polarizada vai discutir essas questões”, diz a especialista.

Urano em Touro

urano touro 1118 1400x800 1
Allexxandar/Shutterstock | NASA images/Shutterstock

Esse trânsito – que ocorre no início de 2019 e permanece por vários anos – mexe com inovação e tecnologia. “Touro fala muito sobre como lidamos com dinheiro e economia. É um momento de ter novos modelos de gestão econômica. Moedas virtuais, por exemplo, podem ganhar mais espaço ao longo de 2019”, diz Virginia.

Ainda sobre o aspecto financeiro, esse trânsito também influencia a relação das pessoas com dinheiro em um âmbito mais individual. “Pode haver uma mudança na maneira com que a gente lida com dinheiro, deve haver mais tecnologia para isso”, explica.

Além disso, Touro também é um signo que se relaciona com o conforto, o luxo e o que é material de forma geral. Com toda essa tendência transformadora, Virginia afirma que pode haver mais reflexão sobre novas formas de lidar com o consumo. Segundo ela, o ano pode ser marcado pelo surgimento de tecnologias que prezem por um consumo mais sustentável a longo prazo.

Signos e previsões