mulher

A razão pela qual Lady Di se recusou a usar luvas vai fazer você chorar

princesa diana spencer 1117 1400x800 0
Pascal Rondeau/Allsport

Não há como negar que a princesa Diana sempre será lembrada como uma mulher comprometida com causas sociais. Era evidente que ela se importava com o bem-estar do seu povo. Enquanto ainda era membro da família real britânica, Lady Di apoiou mais de 100 instituições de caridade diferentes.

A princesa até mesmo expressou sua afeição pelas pessoas menos favorecidas por meio das roupas que usava. É comum que as mulheres reais usem luvas como acessório, mas a Princesa de Gales foi uma exceção à regra.

Lady Di se recusava a usar luvas

Eleri Lynn, que fez a curadoria de um desfile de moda de Lady Di no Palácio de Kensington contou em uma entrevista por que ela não gostava de usar luvas. E a resposta é simples: Diana não tinha permissão para se conectar com as pessoas e nem sentir suas mãos quando as cumprimentava.

"Um de seus gestos mais famosos foi remover as luvas para dar as mãos aos pacientes [nos hospitais]. Você sabia que ela estava usando as roupas e a moda para se certificar de que a mensagem que ela queria transmitir fosse compreendida ", explicou Lynn na Vanity Fair.

princesa diana
Pool / Liaison vía Getty Images

Este gesto adquiriu uma grande relevância durante os anos 80 e 90, quando a princesa Diana acenou para as pessoas portadoras do vírus da Aids. Naquela época, havia um enorme preconceito em tocar pacientes com HIV: podia ser perigoso e até contagioso. Este argumento sempre foi falso e Diana sabia disso.

Princesa Diana e os portadores de HIV

Por essa razão, Lady Di cumprimentou as pessoas com Aids com as próprias mãos, bem na frente da imprensa. Isso manifestou seu caráter e solidariedade, demonstrando que eram seres humanos como qualquer outro, que mereciam respeito e carinho. (É a mesma razão pela qual Vila Sésamo decidiu criar um personagem com HIV).

diana princesa coroa 07 18 1400
Ian Gavan/Getty Images

A princesa Diana foi convidada para inaugurar o London Middlesex Hospital, em 1987. O primeiro lugar especificamente criado para atender indivíduos com Aids no Reino Unido. Lady Di expressou seus sentimentos com belas palavras durante um discurso:

"O HIV não torna perigoso conhecer pessoas, então você pode apertar suas mãos e abraçá-las. Deus sabe que elas precisam disso. Além disso, você pode compartilhar suas casas, locais de trabalho, playgrounds e seus brinquedos”.

Princesa Diana e a realeza britânica

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Lilian Pérez.