pop

"O Céu da Meia-Noite" explicado: novo filme de George Clooney é hit na Netflix

ceu da meia noite 1220 1400x800 3
Netflix

Ocupando o primeiro lugar no top 10 da Netflix desde a estreia, “O Céu da Meia-Noite” é a nova ficção espacial estrelada por George Clooney. O galã, que também dirige o longa, interpreta um cientista solitário na missão de se comunicar com um grupo de astronautas que está a caminho da Terra.

Com um ar bem contemplativo, o filme fala bastante sobre família ao explorar a solidão do protagonista. Achou o final confuso? Nós explicamos tudo. Confira.

alerta de spoilers 2
VIX

Final de "O Céu da Meia-Noite"

O que aconteceu com a Terra?

ceu da meia noite 1220 1400x800 5
Philippe Antonello/NETFLIX

“O Céu da Meia-Noite” não deixa claro o que realmente levou à quase extinção da humanidade no planeta, mas alguns momentos indicam que os próprios seres humanos foram responsáveis pela catástrofe. O filme mostra, por exemplo, um mapa cheio de círculos vermelhos, que parecem indicar várias explosões acontecendo ao mesmo tempo.

Além disso, vemos imagens da terra coberta por uma espécie de fumaça densa e escura e Augustine (George Clooney) diz a Sully (Felicity Jones) que a humanidade não cuidou muito bem do planeta enquanto os astronautas estavam fora.

O que aconteceu com a tripulação?

ceu da meia noite 1220 1400x800 4
Philippe Antonello/NETFLIX

No meio do filme, a morte da astronauta Maya (Tiffany Boone) muda os rumos da expedição: o tripulante Sanchez (Demian Bechir) decide trazer corpo de Maya de volta para a Terra- isso porque ele tinha uma filha com a mesma idade dela e se sentiu na obrigação de dar um enterro digno a ela.

O outro tripulante, Mitchell (Kyle Chandler), decide voltar para tentar rever a família. O filme mostra a última mensagem que ele recebeu da esposa, dizendo que ela e os filhos foram transferidos para um abrigo - a história não mostra se eles sobreviveram ou não, mas Mitchell decide que precisa descobrir.

Quem é Iris?

ceu da meia noite 1220 1400x800 2
Philippe Antonello/NETFLIX

Durante toda a história, Augustine é acompanhado por uma menininha, que não diz nada. A grande reviravolta do filme é que a garotinha era a tripulante Sully, que é sua filha, mas ela não sabe disso.

Em cenas de flashback, vemos que Augustine teve um relacionamento com uma mulher chamada Jean, mas os dois acabaram terminando - fica entendido que Augustine escolheu dedicar a vida à pesquisa espacial e nunca teve tempo de formar uma família. Com isso, Jean o abandona sem revelar que está grávida.

O reencontro só acontece anos depois, quando vemos a cena em que ele descobre a existência de Iris, em uma rápida cena em que ela aparece no banco de trás do carro de Jean. A garotinha que acompanha Augustine na história, no entanto, não passa de imaginação dele, gerada, possivelmente, pela culpa do abandono e pela solidão extrema. Iris nunca fala porque o pai nem sabe como é sua voz.

Quando Augustine consegue se comunicar com a nave de Iris, ele revela que o planeta foi dizimado e a orienta a não voltar. A astronauta reconhece a importância de Augustine para a ciência, já que suas pesquisas levaram à habitação espacial, e diz que se tornou cientista graças a ele. No entanto, não sabe que o famoso Dr. Lofthouse é seu pai.

Cena final

ceu da meia noite 1220 1400x800 1
Philippe Antonello/NETFLIX

Na última cena de George Clooney no filme, Augustine se imagina observando o espaço ao lado da filha que nunca conheceu, apesar de ter salvado sua vida. Iris tenta falar com ele novamente, mas não recebe resposta, o que provavelmente indica sua morte.

O longa também não deixa claro, mas parece que a humanidade realmente foi dizimada e ao pedir para Iris não voltar à Terra, Augustine acaba sendo responsável por salvar nossa espécie. Dessa forma, Iris, grávida, e seu marido piloto são os últimos humanos restantes e, em uma clara metáfora de Adão e Eva, serão os primeiros a povoar a nova habitação no espaço.

Filmes para refletir