pop

Final explicado de "Entre Realidades": atriz decifra filme que deixou muita gente confusa

entre realidades netflix 0220 1400x800
Katrina Marcinowski - © 2020 - Netflix

“Entre Realidades” estreou no catálogo da Netflix para confundir a mente de todos que assistiram. Cheia de mistérios e reviravoltas, o suspense estrelado por Alison Brie termina com mais perguntas do que respostas - e haja teorias para tentar compreender tudo.

O filme começa mostrando o dia a dia de Sarah (Alison Brie), que claramente tem dificuldades em socializar e parece ser uma mulher solitária. Daí para frente, a trama mostra a protagonista cada vez mais descolada da realidade e o filme começa a brincar com a percepção de tempo e espaço.

Filme “Entre Realidades”: explicação

entre realidades netflix 0220 1400x800 2
© Netflix

São várias a interpretações possíveis, mas a mais clara é de que o que acompanhamos durante o filme é o agravamento do transtorno psicótico de Sarah. No final, vemos que ela está há dias internada em um hospital (embora não tenha percebido) e que a garota que ela via em seus sonhos, por exemplo, também era uma das pacientes do hospital.

Além disso, Sarah explica ao médico o história de saúde mental de sua família: a avó foi diagnosticada com esquizofrenia e a mãe, depressiva, suicidou. Junto com outros pontos do filme, como o sonambulismo, tudo leva a crer que a personagem esteve dentro do hospital e alucinando durante a maior parte do tempo.

entre realidades netflix 0220 1400x800 4
© 2020 - Netflix

Em entrevista à Vulture, Alison Brie, que também assina o roteiro, falou sobre suas experiências pessoas com esse tipo de transtorno. Além de lutar contra a depressão, ela revelou que, assim como sua personagem, a avó também foi vítima de esquizofrenia.

“Pouco antes de escrever a história, comecei a perceber que minha meu medo era de ter um transtorno mental estar no meu sangue. Quando isso começa a se manifestar? Eu teria a consciência de que estava acontecendo?”, pontuou.

Teoria da conspiração

entre realidades netflix 0220 1400x800 3
Katrina Marcinowski - © 2020 - Netflix

Por outro lado, o filme deixa - propositalmente - algumas pontas soltas que podem indicar que Sarah realmente passou por uma experiência sobrenatural. O principal indício para isso seria a cena final, em que Joan (Molly Shannon) vê um cavalo passando na rua.

A cena é exatamente igual ao início do filme, o que pode ser um indício de que a percepção de Sarah sobre o looping no tempo ser real. Ao final da trama, ela deixa de acreditar que é um clone da avó e passa a pensar que é a própria avó, como se estivesse fazendo parte de um ciclo.

entre realidades netflix 0220 1400x800 5
© 2020 - Netflix

Na entrevista, Alison Brie não descartou essa possibilidade. “Com certeza. Esperamos que as pessoas interpretem de várias formas. Eu me arrisco até a dizer que eu eu Baena [roteirista] temos visões diferentes sobre o que é a verdade no filme”, disse.

Filmes e séries de suspense na Netflix