pop

Filmes sobre caso Richthofen que serão lançados juntos ganham trailer tenso: assista

a menina que matou os pais 0220 1400x800 2
Galeria Distriduibora/YouTube

Um dos crimes mais marcantes da história brasileira está prestes a ganhar não só uma, mas duas versões para cinema. Suzanne von Richthofen e Daniel Cravinhos terão suas histórias contadas em dois filmes que abordarão o assassinato dos pais dela, planejado e executado pelos dois. Assista:

No primeiro trailer divulgado, o casal de adolescentes aparece em conflito com a família abastada de Suzane. Com base nos depoimentos que os dois criminosos deram à polícia na época e nos anos seguintes, os filmes não só vão explorar o drama do assassinato, como também as divergências entre as histórias de Suzane e Cravinhos.

“A Menina Que Matou os Pais” acompanhará Suzane, enquanto “O Menino Que Matou Meus Pais” segue Daniel. A ideia é contrastar as versões dos dois e as diferenças entre os pontos de vista de cada um.

a menina que matou os pais richtofen 0919 1400x800 2
Santa Rita Filmes

Suzane von Richthofen, Daniel Cravinhos e o irmão dele, Cristian, foram condenados, em 2006, a quase 40 anos de prisão. Na época, ela confessou que abriu a porta da casa dos pais para que os assassinos pudessem matá-los.

Os roteiros dos dois filmes foram escritos pela criminóloga Ilana Casoy, autora de "Casos de Família: Arquivos Richthofen", e Raphael Montes, com base nos autos do processo e nos depoimentos oficiais dos envolvidos.

a menina que matou os pais 0220 1400x800
Galeria Distriduibora/YouTube

“A Menina Que Matou os Pais” e “O Menino Que Matou Meus Pais” estreiam, simultaneamente, em 2 de abril de 2020.

Histórias baseadas em crimes reais