pop

"It: A Coisa", "Os Miseráveis" e mais: 15 papéis que traumatizaram atores no cinema

it a coisa 1218 1400x800
Brooke Palmer/Warner Bros. Entertainment

A dedicação ao personagem para gravar um filme durante meses não é uma tarefa fácil. Por essa razão, muitos artistas de produções famosas acabam ficando com um pouco de trauma de seus papéis nos cinemas. Você sabia desses casos?

Papéis que traumatizaram os atores no cinema

Bill Skarsgard, em It: A Coisa

bill skarsgard 1218 1400x1000
Araya Diaz/Getty Images

O ator sueco ganhou destaque ao interpretar o palhaço Pennywise no remake de It: A Coisa, lançado em 2017. Só que Bill Skarsgard se aprofundou tanto no personagem, que foi difícil deixá-lo para trás.

it a coisa 0717 1400x800 0
Warner Bros. Pictures

Depois que as gravações do filme terminaram, Skarsgard revelou que teve vários pesadelos com Pennywise. “Comecei a ter sonhos muito estranhos e reais com Pennywise. Toda noite ele me visitava”, contou o ator em entrevista à jornais norte-americanos.

it a coisa 1218 1400x1000
Brooke Palmer/Warner Bros. Entertainment

Apesar dos pesadelos, Bill Skarsgard estará na sequência do longa-metragem, que estreia no dia 6 de setembro de 2019.

Anne Hathaway, em Os Miseráveis

gettyimages cabelo de anne hathaway 0918 1400x1637
Rob Kim/Getty Images

Para interpretar Fantine em Os Miseráveis, Anne Hathaway precisou perder 15 quilos com uma dieta de alface e mingau de aveia. Duro, não?

anne hathaway os miseraveis 1016 1400x800
© 2012 - Universal Pictures

Além de se sentir totalmente esgotada, a atriz também teve problemas emocionais por conta da personagem intensa.

anne hathaway os miseraveis 1218 1400x1000
Divulgação/Universal Pictures

“Fiquei em estado de provação, físico e emocional. Levei semanas para me sentir como eu mesma de novo”, revelou Anne Hathaway em entrevista aos tablóides norte-americanos, logo após o lançamento do filme.

Leonardo DiCaprio, em O Regresso

leonardo dicaprio 1111 14100x800
Mike Windle/Getty Images

Filmando em temperaturas abaixo de zero, Leonardo DiCaprio precisou mergulhar em rios congelados, usar uma pele de urso encharcada e até mesmo comer um fígado cru durante as filmagens de O Regresso.

leonardo dicaprio o regresso 1218 1400x1000
Kimberley French/Twentieth Century Fox Film Corporation

DiCaprio definiu o trabalho como o “mais difícil” da sua vida. “Não estou reclamando das dificuldades, mas isso nos levou a um lugar que nunca imaginávamos”, afirmou DiCaprio.

leonardo dicaprio oscar 1218 1400x2000
Jason Merritt/Getty Images

Mas todo o trabalho valeu a pena. Foi em 2016, depois do lançamento de O Regresso, que DiCaprio finalmente conquistou o tão desejado Oscar.

Janet Leigh, em Psicose

janei leight 1218 1400x2000
Vince Bucci/Getty Images

Janet Leigh foi a protagonista de um dos filmes mais famosos dos últimos tempos: Psicose. Com certeza você se lembra da cena em que ela é apunhalada enquanto tomava banho.

psicose filme terror 0918 1400x800
Shamley Productions

Para os amantes do cinema, essa é uma das melhores tomadas de todos os tempos, visualmente impressionante e excepcionalmente executada, certo? Não para a atriz.

janet leight psicose 1218 1400x1000
Divulgação/Shamley Productions

Janet revelou que gravou a cena nua, o que a fez sentir completamente indefesa ao ataque. A atriz também contou a diferentes veículos que, por conta desse filme desenvolveu uma fobia ao chuveiro: ela tomava banho de banheira e, quando não era possível, nunca fechava a cortina e sempre deixava a porta aberta.

Shelley Duvall, em O Iluminado

shelley duval 1218 1400x1000
Divulgação/Twentieth Century Fox Film Corporation

Há anos, correm boatos de que o diretor Stanley Kubrick sabia que Shelley Duvall tinha problemas mentais e se aproveitou da situação da atriz para alcançar o que queria no longa.

shelley duvall iluminado 0916 1400x800
imdb

Ainda que isso não tenha sido comprovado, é verdade que Shelley teve sequelas depois de atuar no filme.

shelley duval o eliminado 1218 1400x1000
Divulgação/Warner Bros. Entertainment Inc.

Para conseguir filmar a cena em que sua personagem, Wendy Torrance, grita de desespero, Kubrick fez com que Shelley repetisse a tomada 127 vezes, o que a deixou esgotada.

o iluminado fime 1218 1400x1000
Divulgação/Warner Bros. Entertainment Inc.

Em 2016, a atriz confessou que vivia atormentada e tinha delírios parecidos aos de Jack Torrance. Ela também disse foi frustrante passar dias inteiros angustiada e que, ao final, o único reconhecido pelo trabalho foi o diretor.

Tippi Hedren, em Os Pássaros

tippi hedren 1218 1400x1000
David Buchan/Getty Images

Tippi Hedren foi uma das atrizes que ficaram traumatizadas depois de participar de um filme de Hitchcok.

tippi hedren os passaros 1218 1400x1600
Divulgação/Alfred J. Hitchcock Productions

Sabe a cena final do filme, na qual Hedren é atacada por diversos pássaros? Segundo a própria atriz, ela não usou nenhuma proteção para gravar a tomada.

os passaros filme 1218 1400x1000
Divulgação/Alfred J. Hitchcock Productions

Para piorar a situação, Hitchcock usou aves reais na cena para captar o verdadeiro horror. Tempos depois, Tippi declarou que trabalhar com o renomado diretor foi “uma experiência brutal”.

Kyle Richards, em Halloween: A Noite do Terror

kyle richard 1218 1400x1000
Divulgação/Compass International Pictures

Kyle Richards tinha apenas 9 anos quando Halloween: A Noite do Terror estreou nos cinemas, em 1978. Tudo correu bem durante as filmagens, mas, ao ver o filme pronto, Kyle ficou horrorizada.

kyle richards halloween 1218 1400x1000
Divulgação/Compass International Pictures

“Foi muito assustador. Eu dormi com a minha mãe até os 15 anos depois disso. Estava apavorada a todo momento”, revelou a atriz.

Heather Donahue, em A Bruxa de Blair

heather donahue 1218 1400x1800
Chris Weeks/Getty Images

Heather Donahue e parte do elenco de A Bruxa de Blair foram “abandonados” em uma floresta durante as filmagens.

bruxa de blair 1218 1400x800
Divulgação/Haxan Films

O grupo recebia roteiros com orientações básicas, comida em quantidade cada vez menor e ainda era assombrado pela produção durante a noite.

bruxa de blair 0218 1400x800
Artisan Etertainment

E nem mesmo quando as filmagens terminaram Heather conseguiu relaxar. Em uma estratégia de marketing, a atriz foi dada como morta em um site internacional. “Eu tinha 24 anos. É complicado estar morta quando você ainda está viva e ansiosa para conseguir reconhecimento”, afirmou Heather.

bruxa de blair 1218 1400x1000
Divulgação/Haxan Films

Depois de tudo isso, Heather Donahue acabou abandonando a carreira de atriz para vender maconha medicinal. Atualmente, ela escreve romances e roteiros.

Kate Winslet, em O Leitor

kate winslet 0318 1400x800
John Phillips/Getty Images

Depois de interpretar uma ex-guarda de campo de concentração nazista em O Leitor, a atriz levou dois meses para voltar ao seu estado normal.

kate winslet o leitor 1218 1400x1000
Divulgação/The Weinstein Company

“Foi como se eu tivesse escapado de um acidente grave de carro e precisasse entender o que tinha acabado de acontecer”, explicou Kate.

kate winslet oscar 1218 1400x1800
Jason Merritt/Getty Images

Apesar de tudo, o trabalho rendeu um Oscar para a atriz.

Isabelle Adjani, em Possessão

isabelle adjani 1218 1400x1800
Pascal Le Segretain/Getty Images

Depois que as gravações do filme terminara, Isabelle Adjani confessou que a personagem exigiu muito dela e que foi difícil de se recuperar.

isabelle adjani possessao 1218 1400x1000
Divulgação/Limelight International

A atriz precisou de anos de terapia para que a personagem Anna saísse de seu corpo e de sua mente.

possessao filme 1218 1400x1000
Divulgação/Limelight International

Uma das decisões tomadas pela atriz depois do lançamento de Possessão foi nunca mais voltar a interpretar uma personagem parecida com Anna. Justo, não?

Linda Blair, em O Exorcista

linda blair 1218 1400x1800
Alberto E. Rodriguez/Getty Images

Linda Blair, hoje com 60 anos, ainda era pequena quando gravou o primeiro filme de O Exorcista. E, por ainda ser uma criança, ela via tudo como se fosse uma brincadeira nos sets de filmagem.

linda blair o exorcista 1218 1400x1000
Divulgação/Warner Bros. Entertainment

O “pesadelo” de Linda começou após o lançamento do longa-metragem, quando ela passou a ser abordada por jornalistas que questionavam seus ideais e crenças a todo momento.

exorcista filme linda blair 1218 1400x1000
Divulgação/Warner Bros. Entertainment

Em uma entrevista quando já era mais velha, a atriz chegou a declarar: “Para mim, O Exorcista é um trabalho de ficção, nunca entendi a relação com o sobrenatural. As perguntas da imprensa só aumentavam a pressão sobre mim, o que não é muito legal quando se é uma criança.”

Adrien Brody, em O Pianista

adrien brody 1218 1400x1800
Carlos Alvarez/Getty Images

O filme O Pianista rendeu um Oscar de Melhor Ator para Adrien Brody, que veio somente depois de muito suor para conseguir viver o personagem no cinema.

adam brody o pianista 1218 1400x1000
Divulgação/Focus Features

O ator interpretou Wladyslaw Szpilman com tanta seriedade que se desfez de seu carro, vendeu seu apartamento e terminou o relacionamento com a namorada para “experimentar” o mesmo sentimento de desespero que seu personagem.

adrien brody pianista 1218 1400x1000
Divulgação/Focus Features

Em entrevistas depois que as gravações do filme terminaram, Adrien Brody revelou que precisou de mais ou menos um ano para se recuperar e se sentir como era antes.

Jeffrey Dean Morgan, em Possessão

jeffrey dean morgan rostro 1217 1400x800
Jesse Grant/Getty Images

Jeffrey Dean Morgan revelou que algumas coisas aconteceram durante as filmagens de Possessão que o deixaram perturbado. Quer exemplos? Lâmpadas explodiam sem nenhuma razão aparente e correntes de ar eram sentidas mesmo quando o set estava fechado.

jeffrey morgan possessao 1218 1400x1000
Diyah Pera/Lionsgate

Outro acontecimento paranormal: foram encontrados alguns equipamentos de filmagem queimados no chão do set e nunca foi possível saber a causa do incêndio.

Jennifer Carpenter, em O Exorcismo de Emily Rose

jennifer carpenter 1218 1400x1800
Kevin Winter/Getty Images

Mais um caso em que um filme sobre possessão traumatizou uma atriz. Dessa vez, Jennifer Carpenter revelou que, durante as gravações de O Exorcismo de Emily Rose, ela se assustou várias vezes porque seu rádio ligava sem que ela tocasse nele.

exorcismo emily rose 1218 1400x1000
Divulgação/Sony Pictures Entertaiment

Além disso, a companheira de cena de Jennifer, Laura Linney teve a mesma experiência com uma televisão que ligava sozinha.

exorcismo emily rose filme 1218 1400x1000
Divulgação/Sony Pictures Entertaiment

Depois desse papel, Jennifer viu sua carreira decolar. Mas, em entrevista, a atriz afirmou que agradece todos os dias quando ela acorda de madrugada e não são três horas da manhã.

Bob Hoskins, em Uma Cilada Para Roger Rabbit

bob hoskins 1218 1400x1000
Samir Hussein/Getty Images

Você já se perguntou como é atuar quando seus companheiros de cena não estão fisicamente ao seu lado? Bob Hoskins viveu exatamente essa situação ao gravar Uma Cilada Para Roger Rabbit.

cilada para roger rabbit 1218 1400x1000
Divulgação/Walt Disney Studios

Depois de interpretar o detetive Eddie Valiant, Bob Hoskins declarou que aprendeu como alucinar.

cilada roger rabbit filme 1218 1400x1000
Divulgação/Touchstone Pictures

Quando as gravações do filme terminaram, Hoskins, em diversas ocasiões, se pegou falando sozinho e pensando em que Roger Rabbit estava sentado perto dele. Por isso, seu médico recomendou que ele tirasse férias dos sets.

Curiosidades do cinema