pop

Por que "Corra!" é o melhor filme de terror dos últimos anos: 5 motivos para assistir

corra filme 0517 1400x800 3
Blumhouse Productions

Sucesso de crítica e de bilheteria nos Estados Unidos, “Corra!” é o melhor filme de terror dos últimos anos - tanto que foi indicado à maior premiação do cinema, o Oscar, quatro vezes em 2018: Melhor Roteiro Original, Melhor Diretor, Melhor Ator e Melhor Filme.

Escrito e dirigido pelo comediante Jordan Peele, o longa foi filmado em menos de um mês com um orçamento modesto, de cerca de 4,5 milhões de dólares e, só no primeiro fim de semana de estreia, rendeu mais de 30 milhões.

No filme, o casal Chris e Rose resolve passar um final de semana na casa da família dela – o que já é motivo de muito estresse para o protagonista: negro, ele fica preocupado com a recepção da família da namorada, que é branca. Lá, ele se depara ainda com figuras bem esquisitas: a mãe de Rose, que é psicanalista especializada em hipnose, o pai, neurocirurgião, além do irmão e dos empregados, que são todos meio misteriosos e perturbadores.

Crítica de "Corra!"

corra filme 0517 1400x800 4
Blumhouse Productions

Discussão sobre racismo

A forma como o thriller discute racismo o torna ainda mais assustador, principalmente porque as demonstrações de preconceito são tão “sutis” e naturalizadas que o clima é de desconforto o tempo inteiro. O protagonista é constantemente questionado e confrontado com estereótipos e generalizações – a família branca da namorada só consegue conversar com Chris sobre assuntos que envolvam sua etnia: sua força física, o histórico de racismo no país, esportes com grandes representantes negros (como corrida e golfe) ou até sobre o governo do ex-presidente Barack Obama.

Na casa da família, os dois únicos funcionários – o caseiro e a empregada – são negros. Mas é claro, os moradores fazem questão de ressaltar como são uma “família”. O desconforto de ambos e o tratamento dado a eles também torna o filme indigesto, assim como todo o questionamento levantado por Chris durante a viagem com a namorada.

Comédia x terror

A ideia do roteiro de “Corra!” veio de um stand-up do ator Eddie Murphy, em que ele conta uma história sobre o dia em que conhecer a família de sua namorada, que era branca. O diretor e roteirista Jordan Peele assistiu ao show e usou justamente essa história como ponto de partida para o filme.

corra filme 0517 1400x800
Blumhouse Productions

Assim, apesar de ser um thriller, a origem cômica é nítida – são diversas as situações absurdas, os exageros e caricaturas do personagem que, ao contrário de aliviarem a tensão, só torna aquelas pessoas mais bizarras e assustadoras.

Elenco

Allison Williams (a Marnie, da série “Girls”), Daniel Kaluuya (“Black Mirror”) e Catherine Keener (“O Virgem de 40 Anos”) são os atores mais famosos da produção, que conta com um elenco iniciante no cinema, mas cheio de química e boas interações. A relação dos personagens de Allison e Daniel, crucial para o desenrolar da história, funciona e torna as reviravoltas do filme ainda mais impactantes.

No entanto, quem rouba a cena é o policial amigo de Chris interpretado pelo comediante LilRel Howery. Hilário, é ele quem garante o alívio cômico do filme e quebra a tensão. Além disso, os personagens, de forma geral, são intrigantes, provocam em quem está assistindo a vontade de entender melhor o que eles são e quais são suas motivações.

Tensão

Pendendo entre os gêneros de suspense e terror, a tensão das quase duas horas de filme faz qualquer um respirar aliviado ao final da sessão. O filme demora para entregar o plot da trama e até lá é impossível não ficar, no mínimo, curioso para entender o que está acontecendo.

corra filme 0517 1400x800 2
Blumhouse Productions

No entanto, uma vez que o momento-chave chega, todo o resto se desenrola e se resolve muito rápido – o que talvez seja um dos poucos pontos fracos da história: ficamos tanto tempo esperando para entender qual era a situação que sentimos falta de ter mais detalhes e apreciar mais a resolução.

Ficção científica

Não bastasse os diversos elementos de comédia, o suspense e o terror, “Corra!” ainda mistura ficção científica a tudo isso e ela é parte central da trama, apesar de aparecer muito pouco. Certamente, Peele criou um universo cheio de camadas e provocativo. Dica: depois de assisti-lo pela primeira vez, tente ver novamente e se surpreenda com uma nova leitura dos detalhes.

Cinema 2017