explore

Astrônomos capturam 1ª imagem nítida de campo magnético em buraco negro

buraco negro campo 0321 1400x800
EHT Collaboration

Em abril de 2019, astrônomos identificaram a 55 milhões de anos-luz de distância um enorme buraco negro bem no centro da galáxia Messier 87 (M87).

buraco negro imagem 0321 1400x800
EHT Collaboration

Agora, uma imagem inédita do gigantesco campo magnético desse mesmo buraco foi capturada, revelando um grande círculo escuro rodeado por um anel flamejante.

Imagem histórica de buraco negro

A fascinante imagem do campo magnético, obtida com a colaboração do Event Horizon Telescope (EHT), é considerada histórica por ser a mais direta prova da existência de buracos negros, objetos maciços até hoje considerados misteriosos.

buraco negro lateral 0321 1400x800
EHT Collaboration

Em um comunicado oficial, os cientistas afirmaram que conseguiram mapear melhor as características do buraco negro por meio de uma espécie de jogo de luz.

Eles utilizaram “luz polarizada”, que diminui brilho e reflexos, deixando a imagem mais nítida. No espaço, a luz só pode ser polarizada quando é emitida em regiões quentes perto de campos magnéticos.

buraco negro ilustracao 0321 1400x800
EHT Collaboration

Neste caso, os astrônomos tiveram uma visão mais precisa e foram capazes de mapear as linhas do campo magnético perto da borda interna do buraco negro.

Buraco negro