explore

A maior tartaruga da história era do tamanho de um carro e tinha até chifres

encuentran el fosil de totuga mas grande de la historia
Ryan M. Bolton/Shutterstock.com

As tartarugas têm uma aparência amigável, mas milhões de anos atrás eram assustadoras e, segundo o descobrimento de um fóssil, algumas até tinham chifres.

shutterstock 1091743781 0
Zeralein99/Shutterstock

As tartarugas são uma das espécies mais antigas já registradas: as primeiras habitavam o planeta há mais de 200 milhões de anos. Os animais marinhos evoluíram ao longo da história, dominaram a água e eram criaturas maiores que um carro.

fosil tortuga
Linnas vía Shutterstock

Stupendemys geographicus é a maior espécie de tartaruga já encontrada. As primeiras descobertas foram feitas pelo paleontólogo Roger Wood em 1976, na América do Sul.

Wood nomeou a tartaruga Stupendemys por seu enorme tamanho e geographicus, em homenagem à revista National Geographic, que financiou sua pesquisa.

tortuga gigante ilustracion
Jaime Chirinos/ScienceAdvances

Os fósseis revelaram que a tartaruga media mais de 3 metros, pesava 1.100 quilos e habitava a água doce do planeta há 10 milhões de anos.

Apesar do tamanho, as primeiras descobertas indicaram que o Stupendemys era vítima de jacarés predadores do tipo crocodilo e seu enorme casco apresentava marcas de mordidas.

Em 2020, o paleontólogo Edwin Cadena descobriu novos fósseis na Venezuela e na Colômbia que ajudaram a entender melhor o comportamento e a evolução da tartaruga. Foi possível ainda verificar que os machos tinham chifres para proteger seus crânios, lutar e defender seus filhotes.

tortuga gigante fosil
Jorge Carillo/Edwin Cadena

Foi encontrado também, pela primeira vez, um pedaço da mandíbula inferior da tartaruga, que dava pistas sobre sua dieta baseada em peixes, crocodilos, cobras, moluscos e sementes que podiam ser esmagadas graças aos seus enormes dentes.

A investigação determinou que o fóssil é da maior tartaruga que já existiu, embora as razões para sua extinção não sejam claras.

Hoje, a área que habitavam é desértica, mas há milhões de anos era uma região pantanosa e úmida que favorecia o crescimento da tartaruga.

Segundo os pesquisadores, o parente mais próximo da Stupendemys é a tartaruga de cabeça grande da Amazônia, embora seja 100 vezes menor, mas seu comportamento e alimentação são semelhantes.

A descoberta também determinou que os cascos gigantes não são exclusivos das tartarugas marinhas e protegiam as espécies de água doce.

tortugas galapagos1
PeterVrabel/shutterstock

Edwin Cadena e sua equipe de paleontologistas buscarão mais fósseis de tartarugas gigantes na América do Sul para expandir seus estudos e entender a evolução das tartarugas.

Curiosidades sobre o mundo animal

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Enrique Blancas.