Cientistas encontram água em exoplaneta em ciclo similar ao da Terra pela 1ª vez

planet k2 18b 0919 1400x800
ESA/Hubble/ M. Kornmesser

Uma das preocupações mais antigas dos astrônomos é saber se existem outros planetas como a Terra. Os avanços tecnológicos já permitiram descobrir que existem outros mundos que compartilham algumas características semelhantes às nossas. Mas agora, pela primeira vez na História, água foi descoberta em um exoplaneta.

Na constelação de Leão está localizado o planeta K2-18b, que tem uma massa 8 vezes maior que a da Terra e está a 110 anos-luz de nós. Este planeta é listado como habitável porque a distância em relação à sua estrela poderia teoricamente permitir o desenvolvimento da vida, mesmo que seu ambiente pareça ser muito mais hostil que o da Terra.

Como água foi encontrada em um exoplaneta

Dotted Yeti / Shutterstock

Pesquisadores do University College London usaram as informações coletadas pelo Telescópio Hubble para encontrar a presença de água na atmosfera do K2-18b. Esta não é uma tarefa fácil, porque o planeta é pequeno demais (tem apenas o dobro do diâmetro da Terra) para que se conheça suas características físicas específicas.

Para encontrar o líquido vital para os organismos terrestres, foi observada a maneira como a luz passava pela atmosfera do planeta e a cor mostrada. Os resultados após a análise do comprimento de onda da luz mostraram a presença de moléculas de hidrogênio, hélio e vapor de água.

nube estratosferica polar 2
remus.jpl.nasa.gov

Não é exatamente a primeira vez que a água é encontrada em um exoplaneta, mas é a primeira vez que os astrônomos veem algo semelhante ao ciclo da água, já que o vapor atmosférico estava em processo de condensação.

O que o futuro reserva

universo espaco homem 0816 1400x800 0
Denis Belitsky/shutterstock

Apesar da interessante descoberta, os astrônomos sabem que é improvável que o K2-18b seja adequado para a vida como a conhecemos.

Essa é uma reflexão interessante, porque também nos lembra que poderia haver outras formas de vida que seguem leis naturais diferentes das nossas.

superficie de la luna espacio
Dima Zel vía Shutterstock

O doutor em astronomia Angelos Tsiaras explicou que este estudo será muito útil para entender como um mundo pode ser habitável fora do sistema solar. Essa informação também nos ajudaria a entender mais sobre a Terra e seu lugar no universo.

Curiosidades sobre os planetas

Matéria traduzida do original de VIX espanhol, do autor Lilian Pérez.