Fundação australiana alerta: coalas podem estar funcionalmente extintos

coala dormingo australia funcionalmente extinto 0519 1400x800
covenant/Shutterstock

Nativo da Austrália, o coala é um bichinho que tem um certo apelo com o "público" por ser fofinho demais. Uma importante entidade do país, a Australian Koala Foundation (AKF), entretanto, emitiu um alerta preocupante sobre o fato de o animal estar "funcionalmente extinto', e é com isso que devemos nos preocupar.

Coala está "funcionalmente extinto"? O que significa?

coala australia funcionalmente extinto 0519 1400x800
Yatra/Shutterstock

Recentemente, a Fundação emitiu um comunicado dizendo que acreditava "que coalas podem ser funcionalmente extintos em toda a paisagem da Austrália". Com a alarmante notícia, Deborah Tabart, presidente da entidade, informou que há a estimativa de que só existam 80.000 coalas no território australiano.

"Isto é aproximadamente 1% dos 8 milhões de coalas que foram abatidos por causa de suas peles e enviados para Londres entre 1890 e 1927", destacou, trazendo um fato histórico em relação ao uso de pele desses animais no passado.

Há controvérsias, no entanto, envolvendo a fala da instituição. Um estudo realizado em 2016 mostra que a estimativa do número de coalas no país estava em 329.000, mas reforça que a perda de habitat e queda no número de animais é preocupante.

coala urso alimentacao 0417 1400x800
faungfupix/shutterstock

Deborah fala também sobre a necessidade do Governo proteger as áreas ambientais em que os coalas vivem. Ela pede leis mais rígidas para a preservação do habitat dessa espécie. O comunicado foi divulgado em um período pré-eleição e pedia conscientização dos eleitores e dos candidatos sobre o tema, já que o coala é uma importante figura para o país.

"Eu sei que o público australiano está preocupado com a segurança de coalas e estão cansados ​​de ver coalas mortos nas nossas estradas. É hora de o Governo respeitar o coala e proteger o seu habitat", declarou.

O que é "funcionalmente extinto"?

urso coala animal 0417 1400x800
IRIT/shutterstock

Em uma nova mensagem para a imprensa, Deborah explicou que coalas estarem "funcionalmente extintos" representa um um termo científico para descrever "além do ponto de recuperação". Ela destaca ainda que, para a Fundação, "há poucos lugares na Austrália em que se acredita ter a população viável e a maioria deles em Victoria".

Uma espécie estar "funcionalmente extinta" não significa, necessariamente, que ela vai ser extinta. Ela pode ter chegado a um ponto em que não desempenha o papel que já desempenhou em um ecossistema. Para Deborah, os colas estarem "além do ponto de recuperação" pode significar que a espécie está condenada a longo prazo por perda de diversidade genética.

Animais na Terra