Teoria maluca diz que plantas se comunicam através de "internet subterrânea"

arvore raizes floresta 1017 1400x800
siambizkit/shutterstock

Você não é o único que, através da internet, se conecta, conversa e compartilha informações com pessoas de diferentes lugares do mundo: as plantas também possuem uma rede própria que serve de meio de comunicação com outras em um mesmo solo.

Plantas usam “internet” para de conectar

arvores floresta natureza 1018 1400x800
Georgii Shipin/shutterstock

A “internet dos fungos” é formada por redes de micélios – filamentos que formam os cogumelos – que permite que a conexão seja estabelecida. Ou seja, trata-se de uma rede natural e subterrânea que, além de garantir troca de nutrientes, faz com que as plantas se comuniquem umas com as outras.

A relação das plantas com os fungos é especialmente importante para o desenvolvimento da vegetação, que recebe dos fungos minerais e até mesmo água do solo. A rede de “internet natural” da Terra colocaria em contato plantas que estão muito distantes de si e não apenas as mais próximas, segundo contou o especialista em fungos Paul Stamets em entrevista ao site da rede BBC.

paredao arvore 1400x800 1017
struvictory / shutterstocl

Ainda de acordo com a reportagem, a “internet dos fungos” seria útil para que árvores de grande porte possam alimentar outras em desenvolvimento, possibilitando assim a sobrevivência das plantas mais jovens. Em alguns casos, diferentes espécies usam essa rede para trocar nutrientes entre si, em vez de competirem.

Os cientistas já possuem provas suficientes para acreditar que a rede de fungos no solo é usada pelas plantas para a realização de troca de nutrientes, mas não foram capazes, até o momento, de entender como todo o processo ocorre.

Ciência e meio ambiente