explore

Missão de telescópio Hubble, da Nasa, completa 27 anos: relembre descobertas

telescopio hubble espaco 0517 1400x800
Vadim Sadovski/shutterstock

Lançado pela Nasa no dia 24 de abril de 1990, a bordo do ônibus espacial Discovery, o telescópio Hubble é um satélite artificial não tripulado. Sua missão já dura  27 anos.

Durante todo esse período, o Hubble forneceu aos cientistas importantes relatórios sobre planetas, estrelas, e todo o universo. Conheça algumas das mais relevantes descobertas do Hubble para a astronomia:

Descobertas importantes do Hubble

1. A descoberta da energia escura é considerada uma das mais importantes já realizada pelo telescópio Hubble. Trata-se da confirmação de uma forma de energia que impulsiona a expansão do universo, o que leva a crer que ele não estava diminuindo, como se acreditava no passado.

telescopio hubble espaco 0217 1400x800
Getty Images

2. O telescópio da Nasa ajudou a compreender melhor as populações estrelares. Antes do lançamento do Hubble, os cientistas sabiam muito pouco sobre as histórias das galáxias e os dados obtidos pelo satélite artificial foram úteis, portanto, para o conhecimento do próprio universo.

3. Hubble conseguiu revelar a fonte das rajadas de raios gama (tipo de radiação de natureza eletromagnética, que se propaga no vácuo, da mesma forma que a luz), algo que há décadas intrigava os cientistas. Com a ajuda do telescópio foi possível descobrir que as explosões de raios gama ocorrem quando uma das estrelas maciças da galáxia entra em colapso.

4. O telescópio registrou a primeira imagem de um planeta fora do nosso sistema solar, os chamados exoplanetas, ou planetas extrassolares. Até hoje, cientistas já contabilizam 3.586 exoplanetas em 2.688 sistemas distintos, com 603 sistemas abrigando mais de um planeta.

hubble telescopio esa 0916 1800x1286
Hubble/NASA/ESA

5. O Hubble descobriu que há buracos negros no centro das galáxias, algo até então desconhecido.

6. Em 1994, ao flagrar os fragmentos do cometa Shoemaker-Levy 9 atingindo Júpiter, o Hubble foi capaz de fornecer as primeiras imagens gravadas de uma colisão entre dois corpos no espaço.

7. O famoso telescópio da Nasa ainda ajudou os cientistas a confirmar a existência de matéria escura no espaço. Como ela não reflete ou emite luz, não pode ser vista pelo equipamento, mas já que ela exerce atração gravitacional sobre a luz que passa por ela, o fenômeno pôde então ser detectado pelo Hubble.

Estudos científicos curiosos