Arco-íris lunar? Fenômeno intrigante existe e pode ser visto no Brasil; veja 7 fotos incríveis

arco iris lunar 1116 1400x800
Patrick Jennings/Shutterstock

Além de atrair muitos olhares para o céu, o fenômeno da superlua, que aconteceu três vezes nos últimos meses, trouxe uma impressionante imagem do espaço, que circulou pelas redes sociais e intrigou muitos usuários. Enquanto fazia fotos da “lua gigante” que apareceu em outubro, um fotógrafo britânico registrou o que se chama de “arco-íris lunar” no céu de North Yorkshire, na Inglaterra. 

Apesar de a imprensa internacional ter caracterizado o fenômeno como raro, este espetáculo do céu acontece com frequência no Brasil, nas Cataratas do Iguaçu, no Paraná (veja as fotos ao final da matéria).

Abaixo, entenda como o arco-íris da Lua se forma e porque a região paranaense é palco recorrente deste acontecimento que encanta turistas de todo mundo. 

Fenômeno do arco-íris lunar

A foto do arco-íris da Lua foi registrada por Ben Gwynne no dia 16 de outubro, durante a superlua, em North Yorkshire, na Inglaterra, mas, ganhou as redes sociais nas últimas semanas.

No registro, que foi publicado na página do Facebook '159photograpgy', é possível ver as linhas que formam as cores do arco-íris.

“Nós entramos nos Dales [um parque local] para tirar fotos e paramos no caminho de volta para fotografar a lua sobre algumas árvores”, disse o fotógrafo à BBC

Foi então que ele identificou o arco-íris lunar. O registro só foi possível por conta da qualidade e tempo de exposição da máquina fotográfica do profissional.

Como se forma

A foto que está no início da matéria é das Quedas de Cumberland, em Kentucky, nos Estados Unidos. O fato de o local ser uma queda d’água já é um indício das condições necessárias para a formação de um arco-íris lunar. 

Isto porque, assim como o surgimento do arco-íris “diurno” depois de uma chuva de verão, o fenômeno depende da suspensão de gotículas de água no ar. 

À noite, a luz da lua reflete nas partículas de água, originada das quedas ou de um nevoeiro, e provoca o espectro cromático. Apesar de a origem ser a mesma, o arco-íris lunar tem intensidade mais fraca e, por isso, é mais difícil de registrá-lo.

Onde se pode ver no Brasil

Por essa mesma razão, o arco-íris noturno é visto com frequência nas Cataratas do Iguaçu, no Paraná. Veja abaixo algumas fotos impressionantes dessa experiência:

Olhe para o céu