Queda de cabelo excessiva acontece principalmente por 3 motivos

queda cabelo maos 0419 1400x800
peeraporn kwanprom/Shutterstock

A queda de cabelos é considerada anormal quando mais de 100 fios são perdidos por dia. Consultar um dermatologista e realizar exames clínicos é o primeiro passo para combater o problema, pois ajuda a descobrir as causas da condição, que podem ser bastante variadas.

calvicie feminina queda cabelo 1018 1400x1000
Doro Guzenda / Shutterstock

Alimentação ruim, fatores genéticos, uso de determinados medicamentos, hábitos do dia a dia e até mesmo fatores emocionais podem provocar a perda de fios. Conheça as causas mais comuns de queda de cabelo, segundo a dermatologista Karla Assed.

Queda de cabelo: causas mais comuns

queda cabelo alopecia 0619 1400x800 0
suriya yapin/Shutterstock

Falta de vitaminas: algumas vitaminas normalmente estão associadas à saúde dos fios, explica a especialista. A vitamina A reorganiza as camadas celulares da pele e da secreção sebácea, enquanto a vitamina D pode prevenir a queda em estações como verão e outono.

No caso das vitaminas do complexo B, cada uma tem sua função: a B8 controla a seborreia, as B5 e B6 são consideradas as principais fontes de energia dos folículos pilosos e a B12 desempenha papel importante para divisão celular cutânea.

queda perda cabelo 1018 1400x800
Kateriz / Shutterstock

Estresse: níveis de cortisona e adrenalina aumentam em picos de estresse, inibindo a fase de crescimento dos fios e causando queda excessiva. A dermatologista explica que o estresse ainda aumenta a oleosidade do couro cabeludo, favorecendo a perda de cabelo.

queda de cabelo 0519 1400x800
PPstudio/shutterstock

Envelhecimento dos fios: assim como a pele, o cabelo também sofre mudanças com a ação do tempo e começa a ficar seco e sem brilho. Algumas pessoas, por razões genéticas ou desníveis de testosterona, podem apresentar uma queda mais acentuada do que outras.

Queda de cabelo: causas e tratamentos