Rafael Ilha mostra antes e depois de harmonização facial e mais 2 procedimentos

Cansado de rugas e marcas de expressão, Rafael Ilha se submeteu a alguns procedimentos estéticos para mudar um pouco o rosto e a aparência da pele, mostrando o resultado bastante visível em seu perfil no Instagram. Pelas fotos, dá para notar que, de forma geral, a pele do ator ficou mais lisa, com menos marcas e linhas.

Na legenda da publicação, ele se disse muito surpreso e feliz com os resultados, além de listar os procedimentos aos quais se submeteu. Conforme contou o ator, a harmonização facial – algo que está cada vez mais popular – foi uma das apostas, ao lado de preenchimento na área conhecida como “bigode chinês” e uso de toxina botulínica no rosto (conhecido popularmente pela marca Botox).

Procedimentos faciais de Rafael Ilha

Harmonização facial: como funciona?

Usada como forma de modificar traços faciais e melhorar o aspecto de algumas regiões, a harmonização facial em geral é feita com injeções de ácido hialurônico na pele do rosto. Por ser uma substância produzida naturalmente pelo corpo, o uso do ácido artificial com esse objetivo é considerado seguro e, após algum tempo, ele é reabsorvido pelo organismo sem deixar resultados permanentes.

De acordo com a dermatologista Paula Periquito Consenza, um creme anestésico é utilizado antes do procedimento, e então as microinjeções são responsáveis por depositar o ácido sob a pele – algo que pode ser feito em diversas áreas. Conforme explica a especialista, as regiões mais comuns são lábios, área do contorno dos olhos para tirar “pés de galinha” e na região das olheiras.

Conforme a harmonização facial é realizada, seus efeitos duram de oito a doze meses (tempo que o organismo leva para reabsorver a substância), e pode então ser refeito caso a pessoa goste do efeito das aplicações. Ainda que seja uma opção segura, porém, é essencial buscar o profissional certo, sendo dermatologistas e cirurgiões plásticos os mais indicados para executá-lo.

Além disso, a aplicação de ácido hialurônico não deve ser feita em mulheres grávidas, lactantes, pessoas portadoras de doenças autoimunes ou que tenham o sistema imunológico fragilizado (como quem faz tratamentos como a quimioterapia, por exemplo). Em geral, o procedimento pode deixar efeitos colaterais temporários como vermelhidão, inchaço e hematomas.

preenchimento labial 0619 1400x800
Olena Yakobchuk/Shutterstock

Bigode chinês: tratamentos

Apelido pelo qual são conhecidas as linhas de expressão que se formam nas laterais da boca com o passar dos anos, o bigode chinês é algo que muita gente não gosta em si e, segundo o cirurgião plástico Marco Cassol, dependendo da faixa etária em que a pessoa está, é possível amenizar a aparência dessas marcas de diversas formas.

Para quem tem entre 20 e 30 anos, por exemplo, ele indica uso de cremes devidamente receitados por especialistas ou preenchimentos com ácido hialurônico – o mesmo que aparece na harmonização facial. Já para quem tem de 30 a 50 anos, a recomendação dele é usar tratamentos feitos com laser para um peeling profundo para amenizar a aparência do bigode chinês.

Já para quem tem de 50 a 60 anos, o cirurgião recomenda a aplicação de fios de sustentação feitos de ácido lático e que é reabsorvido pelo corpo. “Um par de cada lado do rosto deixa a face mais firme”, diz ele, ressaltando que é necessário refazer o procedimento a cada três meses. Acima dos 60, ele afirma que apenas a cirurgia plástica é capaz de resolver essa questão.

bigode chines rugas rosto 0619 1400x800
F16-ISO100/Shutterstock

Toxina botulínica

Popular entre quem é ligado a tratamentos estéticos, a toxina botulínica é uma toxina artificial que é capaz de relaxar e “paralisar” o músculo, reduzindo a aparência de rugas e linhas de expressão, além de diminuir a formação de novas marcas. A aplicação é feita diretamente no músculo com resultados já nos primeiros dias após o procedimento, que tem duração de quatro a seis meses.

Em boa parte das vezes, o tratamento com "botox" é utilizado na testa, na região entre as sobrancelhas, ao redor dos olhos e até no bigode chinês, mas, para que não fique com uma aparência extremamente artificial, é preciso tomar alguns cuidados. Segundo a dermatologista Silvia Zimbres, o ponto principal está na quantidade de toxina que é aplicada no músculo.

“Individualizar o plano de aplicação é muito importante para obtermos resultados naturais e satisfatórios”, afirma a médica, reforçando que pacientes com doenças crônicas precisam de uma avaliação médica mais detalhada.

botox rugas testa 0917 1400z800
wavebreakmedia/Shutterstock

Tratamentos estéticos