Como tratar uma espinha sem deixar cicatrizes: médico diz o que deve ser feito

cicatriz espinha pele 0419 1400x800
Budimir Jevtic/Shutterstock

As espinhas geralmente são causadas por concentração de bactérias em regiões da pele onde há excesso de oleosidade e concentração de células mortas. Se a inflamação for muito grande, pode gerar cicatrizes no rosto. Para evitar este problema, é preciso tomar alguns cuidados.

Tipos de cicatriz de espinhas

As cicatrizes mais comuns são aquelas que afundam a pele, deixando vários "buraquinhos". É a cicatriz atrófica, causada pela perda de componentes do tecido durante o processo de recuperação do ferimento. Já a hipertrófica é aquela que fica em alto-relevo, como um queloide.

Segundo o dermatologista Abdo Salomão, essas cicatrizes são invariavelmente profundas, pois as glândulas causadoras das espinhas estão na derme profunda e modificam a arquitetura das fibras da pele.

Cuidados básicos com espinhas

espinha rosto pele 0419 1400x800
yurakrasil/Shutterstock

Para tratar uma espinha sem deixar cicatrizes, o mais importante é evitar que ela vire uma ferida, o que muitas vezes é inevitável. Mas as chances ficam menores se forem observadas algumas medidas simples de prevenção, entre elas:

Não mexer na espinha

Por maior que seja a tentação de ficar fuçando a espinha, isso pode aumentar a quantidade de bactérias no local. Como explica a dermatologista Christiana Blattner, o perigo de apertá-la com as mãos é ferir a pele e causar cicatrizes pelo atrito exagerado. Segundo ela, melhor do que espremer as espinhas é usar produtos secativos.

Proteger a pele do sol

Exista uma crença de que o sol "seca" as espinhas, mas não é bem assim. Queimar a pele é tudo o que você não quer nesta hora, já que o calor ainda provoca aumento de oleosidade - que pode agravar o quadro e favorecer o surgimento de cicatrizes.

Manter o rosto limpo

O acúmulo de gordura e impurezas na pele está diretamente relacionado às espinhas, portanto, melhor caprichar na hora de remover a maquiagem. Mas também não precisa exagerar: limpeza em excesso pode alterar a oleosidade natural da pele e piorar a situação.

Como lidar com espinhas na pele