13 coisas que filmes pornô ensinam de errado aos homens

filme porno mentiras homens
Thinkstock

Pode parecer óbvio para você, mas acredite: muitos homens não sabem que existe diferença entre o sexo praticado em filmes pornográficos e o que se tem na vida real. Para o azar deles e nosso também, a maioria dos garotos cresce sendo ensinada por este tipo de produção e acaba desenvolvendo ideias absolutamente irreais de como é uma relação sexual, do que eles devem ou não fazer e, principalmente, do que é ou não prazeroso para a mulher.

Leia também:

O que as mulheres odeiam no sexo

6 erros que o homem pode cometer que vão broxar uma mulher

5 ideias que elas têm vergonha de pedir ao parceiro

É claro que existem muitas particularidades no sexo: cada pessoa gosta de ser acariciada de uma maneira específica. No entanto, se levarmos em consideração as preferências da maioria população mundial, grande parte daquilo que se vê em filmes eróticos é simplesmente mentiroso. Veja alguns dados:

filme porno mentiras 1
Thinkstock

Tamanho do pênis – Em filmes pornográficos, 100% dos homens são bem dotados. Enquanto a média de tamanho na ficção é de 15 a 22 centímetros, na vida real, o comprimento médio de um pênis ereto é de 13,7 cm.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 2
Thinkstock

Pelos – Tanto homens quanto mulheres aparecem completamente (ou quase) depilados em filmes, mas, na realidade, 65% das mulheres e 85% dos homens têm pelos na virilha.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 3
Thinkstock

Sempre prontos – Atores e atrizes estão sempre prontos para a ação. No entanto, uma pessoa normal leva, em média, de 10 a 12 minutos para ficar excitada.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 4
Thinkstock

Superereção – Os filmes ensinam que homens conseguem (e devem) manter a ereção por um longo período de tempo. Na realidade, 75% deles ejaculam em 3 minutos no sexo real.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 5
Thinkstock

Mulheres sempre gozam com a penetração. Enquanto as atrizes pornô atingem o clímax 100% das vezes, a grande maioria das mulheres (71%) nunca teve orgasmo por meio da penetração. Mais do que isso, muitas delas nunca tiveram orgasmo na vida.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 6
Thinkstock

Experiência homossexual – Nos filmes, toda mulher está disposta a fazer sexo com outra mulher. Na vida real, apenas 11,5% já passou por essa experiência e menos de 20% afirma ter participado de sexo a três.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 7
Thinkstock

Sexo anal – Similarmente, todas topam e sentem muito prazer com o sexo anal. Em realidade, 40% já praticou e muitas delas sentem dor com a prática.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 8
Thinkstock

Sexo oral – Os filmes ensinam que todas as mulheres amam fazer sexo oral no parceiro e conseguem realizar a 'garganta profunda'. Na vida real, nem todas curtem e muitas engasgam. Além disso, é preciso perguntar se a parceira concorda que você ejacule no rosto dela, já que apenas 22% aceita a prática. Ainda, apenas 30% afirma que engole o sêmen.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 9
Thinkstock

Ejaculação feminina – Frequentemente mostrada em filmes pornográficos, ela só é atingida por cerca de 6% das mulheres.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 10
Thinkstock

Preliminares – Na ficção, o homem não gasta muito tempo masturbando ou praticando sexo oral na parceira. Muitas vezes, inicia a relação diretamente com a penetração. Na vida real, a grande maioria das mulheres precisa das preliminares para ficar lubrificada e excitada o suficiente.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 11
Thinkstock

Insaciáveis – É mentira que homens e mulheres sentem desejo 24 horas por dia e conseguem fazer sexo por horas a fio sem se cansar. Nos filmes, é comum ver o casal trocar de posição um zilhão de vezes e ter 100% de controle sobre o próprio orgasmo. Na maioria das vezes, isso não ocorre. Além disso, o sexo longo não é necessariamente mais prazeroso, nem indica que o casal é ‘bom de cama’.

Crédito: Thinkstock

filme porno mentiras 12
Thinkstock

Penetração forte – Atrizes pornô parecem gostar de penetração forte e longa, no estilo britadeira. Muitas mulheres se incomodam e ficam entediadas com esse tipo de relação e preferem variar a intensidade e movimentos.

Crédito: Reprodução

filme porno mentiras 13
Thinkstock

Carícias ‘doloridas’ – É comum ver em filmes carícias como beliscão no mamilo, puxada de cabelo e tapas, seja no rosto, traseiro ou própria genital da mulher. Na vida real, é bem diferente. Esse tipo de movimento pode machucar e, mais do que isso, agredir moralmente a parceira. É preciso que o casal estabeleça limites.

Crédito: Thinkstock