mulher

Dieta MIND reduz risco de Alzheimer pela metade, diz estudo. Conheça

prevencao do alzheimer
thinkstock

Apesar de não se saber exatamente quais são as causas do Alzheimer, sabe-se que diversos fatores podem contribuir com o aparecimento da doença. Um deles é a alimentação e, pensando nisso, pesquisadores norte-americanos resolveram testar uma mistura de duas dietas para prevenir o Alzheimer. Os resultados encontrados surpreendem.

Leia tambémDieta mediterrânea é a melhor forma de combater obesidadeComo melhorar a memória através da alimentaçãoAlzheimer: como diferenciar o esquecimento normal do patológico

Prevenção do Alzheimer: ciência indica novo aliado 

O estudo publicado do periódico Alzheimer's & Dementia durou uma década e acompanhou cerca de 1.000 pessoas. Os participantes que seguiram a dieta MIND perfeitamente tiveram risco para Alzheimer reduzido em 53% em comparação com as pessoas que fizeram outras dietas. Mesmo as pessoas que não seguiram a dieta à risca tiveram o risco diminuído em 35%.

prevencao do alzheimer 1
thinkstock

De acordo com os responsáveis pelo estudo, quanto mais e por mais tempo uma pessoa segue essa dieta, menor será o risco de desenvolver Alzheimer.

O que é a dieta MIND? 

A junção dos nomes da dieta mediterrânea e da dieta DASH (Dietary Approaches to Stop Hypertension – Abordagem dietética para parar hipertensão, em tradução livre) resulta na sigla MIND (Mediterranean-DASH Intervention for Neurodegenerative Delay – traduzindo: Intervenção para atraso neurodegenerativo Mediterrâneo-DASH).

Os pesquisadores responsáveis pelo estudo chegaram a essa mistura de dietas por acreditar que seria de melhor aceitação pelos norte-americanos e, a partir delas, definiu alimento indicados e alimentos a serem evitados. Ambas as dietas são, atualmente, consideradas saudáveis.

Alimentos para prevenir Alzheimer 

De acordo com o estudo, para fazer a dieta MIND 10 alimentos devem ser consumidos diariamente – vegetais verdes folhosos, vegetais em geral, nozes, frutas vermelhas, feijão, grãos integrais, peixe, aves, azeite de oliva e vinho – e cinco gêneros alimentares devem ser evitados – carne vermelha, manteiga e margarina, queijo, massas doces, frituras e fast-food.