mulher

3 doenças de pele que mais atacam mulheres

Thinkstock

Cuidar da pele para prevenir rugas, marcas de expressão e acne faz parte do ritual de mulheres que se preocupam com a saúde e a aparência. No entanto, nem sempre é possível evitar problemas no rosto por questões que fogem ao controle. Saiba quais são e conheça os tratamentos para doenças de pele que mais atacam as mulheres:

Leia também:6 soluções para problemas que mulheres estressadas têm nos cabelos, unhas e peleO que é importante para hidratar a pele no inverno? Nutricionista das famosas revelaComo ficar com uma pele perfeita sem parecer que você está usando maquiagem

Rosácea

Thinkstock

 Dependendo da gravidade, a doença pode ser tratada com antibióticos, cremes que reduzem o tamanho dos vasos sanguíneos e até tratamentos a laser. Para conhecer o grau da enfermidade e as melhores formas de tratamento, um especialista deve ser consultado.

Manchas solares

A exposição contínua à radiação ultravioleta provoca danos à pele e se manifesta de diferentes maneiras, sendo as manchas solares escuras as mais óbvias delas. As marcas, que costumam aparecer com o avanço da idade, refletem o acúmulo de horas que sua pele foi exposta ao sol. O problema ainda pode acelerar o processo de envelhecimento e aparecimento de rugas.

[[{"fid":"145525","view_mode":"featured-medium","fields":{"format":"featured-medium","field_file_image_alt_text[und][0][value]":"Como tratar doenças de pele que atacam as mulheres","field_file_image_title_text[und][0][value]":"Como tratar doenças de pele que atacam as mulheres","field_file_image_copyright_overriden[und][0][value]":"Thinkstock","field_file_image_description[und][0][value]":"Como tratar doenças de pele que atacam as mulheres","field_link[und][0][title]":"","field_link[und][0][url]":"","field_file_image_id[und][0][value]":""},"type":"media","attributes":{"alt":"Como tratar doenças de pele que atacam as mulheres","title":"Como tratar doenças de pele que atacam as mulheres","style":"font-size: 13.0080003738403px; line-height: 1.538em; float: left;","class":"media-element file-featured-medium"},"link_text":null}]]Tratamentos a laser costumam ser indicados para acabar com o problema, mas você já sabe que prevenir é melhor do que remediar. Portanto, o uso diário do protetor solar segue como recomendação principal para evitar danos à saúde da pele.

Dermatite de contato

O problema é identificado quando a pele fica avermelhada ou inflamada ao entrar em contato com uma substância particular. Perfumes, conservantes, alguns cosméticos ou tinturas de cabelo podem desencadear a condição. Se você já conhece os produtos que causam essa reação alérgica, basta evitar o seu uso. Mas se ainda não conseguiu identificar a origem do problema, deve consultar um médico para realizar exames e seguir o tratamento indicado.