mulher

Uso incorreto de colírios pode causar danos à visão

colirio como usar colirio olhos 91406752
Thinkstock

Ao sinal do primeiro desconforto nos olhos, muitas pessoas recorrem ao uso do colírio. Contudo, segundo a oftalmologista Kátia Mello, usar com frequência colírio pode causar danos à visão além de mascarar problemas oculares graves.

Leia também

Problemas de visão: veja quais são os sintomas mais comuns

Peixes, azeite, nozes, cenoura e chocolate amargo são amigos da saúde dos olhos

Descongestionante nasal: entenda o risco do uso excessivo

Uso sem prescrição médica

O mau uso desses medicamentos pode causar problemas como catarata, glaucoma, úlceras na córnea e até. "Os casos de alergia na primavera, principalmente devido a presença do pólen no ar, e dos surtos de conjuntivites no verão, intensificam a utilização de colírios sem prescrição médica", ressalta a especialista.

[[{"fid":"","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_description[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{}}]] Usar colírio de maneira errada pode causar catarata / Crédito: Thinkstock

Para cada problema ocular, há um colírio específico que deve ser prescrito por um especialista. "As pessoas esquecem que o colírio é um medicamento, que tem uma ação e efeitos colaterais", afirma Kátia.

Segundo a médica, mesmo os populares colírios vasoconstritores, utilizados para tirar a vermelhidão dos olhos, e que podem ser adquiridos sem receita médica, precisam de indicação do oftalmologista. "O uso indiscriminado deste tipo de remédio pode propiciar o surgimento de catarata", completa.

Além disso, pessoas que usam antidepressivos ou que sofrem com problemas cardíacos ou respiratórios também são orientadas a terem cautela no uso deste medicamento.

Como aplicar

A utilização de colírios de outras pessoas, a alta dosagem e a contaminação inadvertida do bico dosador estão na lista dos principais erros. "Ao utilizar um colírio, é seguir as orientações passadas pelo oftalmologista", orienta a especialista.

De acordo com Kátia, os principais cuidados na hora de utilizar o colírio são:

  • Lavar bem as mãos antes de manusear o medicamento;
  • Não deixar a ponta de o frasco tocar no olho;
  • Fechar os olhos por alguns minutos após a aplicação;
  • Remover lentes de contato antes da administração do remédio e recoloca-las após pelo menos 15 minutos;
  • Não expor o frasco à luz e ao calor;
  • Não utilizar colírios por tempo maior do que o recomendado pelo oftalmologista;
  • Não usar colírios sem prescrição ou conhecimento do médico;
  • Nunca usar colírios de outras pessoas