glam

Saiba como manter a saúde do corpo e da pele com a mudança de estação

cuidar saude outono

Quando o verão chega ao fim e as temperaturas começam a cair, muitas pessoas enfrentam alguns problemas na respiração e até mesmo na pele, que fica mais seca e suscetível a rachaduras e alergias. Isso acontece porque, na transição para o outono, o ar seco e as temperaturas baixas dificultam a dispersão de partículas, comprometendo o sistema respiratório e cardiovascular. "Durante a troca de estações as condições crônicas tornam-se mais abaladas para pacientes de bronquites, asma, rinite e sinusites. O uso de umidificadores de ar pode amenizar as dificuldades respiratórias. É importante, também, estar atento a possíveis irritações nos olhos. Secura e coceira podem indicar um quadro de conjuntivite, comum durante o outono. Em casos de tosse e febre por mais de cinco dias o ideal é procurar tratamento médico", explica a pneumologista Andrea Sette, do Hospital e Maternidade Rede D’Or São Luiz Itaim, em São Paulo.

Leia também:

Saiba quais são os alimentos proibidos para quem tem gastrite

Excesso de fibras diminui absorção de nutrientes e causa prisão de ventre

Alteração no peso pode ser sintoma de disfunção na tireoide

Para evitar que esses problemas aconteçam, a médica dá algumas orientações para ajudar a manter a saúde e aproveitar o outono da maneira certa:

Mantenha o corpo hidratado

No verão nos preocupamos muito com a hidratação, pois perdemos muito líquido. No outono não é diferente. As temperaturas são mais baixas, porém o ar está mais seco. O consumo de líquidos é essencial, principalmente de água.

Evite ficar muito tempo em locais fechados

A proliferação de alguns vírus é ainda maior nessa época do ano e locais fechados favorecem isso. É importante sempre deixar janelas abertas e permitir que o ar se renove.

Pratique a higienização a todo momento

Lavar as mãos deve se tornar um hábito não só durante a troca de estações. Estamos em contato com diversos objetos que podem estar contaminados, por isso é imprescindível lavar as mãos com água e sabonete líquido, de preferência, e, sempre que possível, fazer uso do álcool em gel.

Mantenha uma alimentação balanceada

As síndromes gripais, mais comuns durante a estação, acometem principalmente crianças e idosos, que têm o sistema imunológico mais frágil. Ter uma alimentação equilibrada com os nutrientes e vitaminas necessárias evita que o corpo fique suscetível a contaminações.

Hidrate bem a pele

É comum notarmos que a pele fica mais seca com a chegada do outono, o que pode acarretar rachaduras e irritações que desenvolvem alergias. O ideal é usar um hidratante específico para o rosto e outro para o corpo. E os banhos quentes também devem ser evitados, pois favorecem o processo de ressecamento da pele.

Para aprender a fazer uma maquiagem para o outono-inverno, assista ao vídeo: