mulher

Adoçantes são menos calóricos que açúcar, mas não são mais saudáveis

adocantes acucar saude

Substituir o açúcar por adoçante é uma das primeiras atitudes de quem quer perder peso. Mas é preciso ter cuidado, pois, segundo o endocrinologista Alfredo Cury, do SPA Posse do Corpo, no Rio de Janeiro, o fato de os adoçantes serem menos calóricos do que o açúcar não quer dizer que sejam mais saudáveis. "Os adoçantes são para os diabéticos que não podem ingerir açúcar. Para quem não tem problemas com diabetes a opção mais saudável é o açúcar orgânico, ou mascavo", recomenda.

Leia também:

Amigo ou vilão das dietas?

10 motivos para moderar o consumo de açúcares

Diet, light ou zero? Identifique as diferenças

Existem diferentes tipos de adoçantes, de acordo com as substâncias presentes, que podem ser aspartames, sacarina, ciclamato, sucralose e a acessulfame-k. O aspartame é o mais comum e está presente inclusive em refrigerantes diets ou os chamados zero açúcar. "Os adoçantes são sim opções para quem está em um processo de emagrecimento, porque ele dá suporte à manutenção de um peso saudável. Ele também controla uma dieta para diabetes ou simplesmente oferece um sabor doce sem acrescentar calorias", explica.

De acordo com o médico, adoçantes consumidos dentro do limite recomendado são absolutamente seguros e não causam nenhum mal. Ele diz ainda que não há um limite exato, mas o ideal é que se use o mínimo possível.

Para ajudar a manter a forma, assista a um vídeo sobre dieta de verão: -->