mulher

Chá de espinheira-santa para gastrite: o santo remédio

cha espinheira santa capa
Istockphoto/Thinkstock

Conhecido como santo remédio, o chá de espinheira-santa ajuda no tratamento da gastrite, contribui para a diminuição das úlceras e refluxos e ainda age como diurético, eliminando o excesso de líquidos.

Veja também: Frutas que ajudam na digestão Intolerância ao gluten: o que fazer Alimentos proibidos para quem tem gastrite

Propriedades da espinheira-santa

Rica em taninos, alcaloides e sais minerais, como cálcio, sódio e enxofre, a espinheira-santa atua em todo o sistema gastrointestinal, tratando a gastrite e combatendo as úlceras estomacais e os refluxos.

Tais ações são justificadas pela presença de substâncias cicatrizantes que são ativadas quando a planta é submetida a elevadas temperaturas. Assim, a espinheira-santa trata a gastrite, pois cicatriza toda a mucosa gástrica. E ainda combate a úlcera e o refluxo por diminuir a acidez estomacal e a ação de fermentação.

Benefícios da espinheira-santa

  • Trata a gastrite
  • Combate a úlcera estomacal
  • Diminui o refluxo
  • Diminui os gases gastrointestinais
  • Trata a azia
  • Evita o mau hálito
  • Elimina o excesso de líquidos

Espinheira-santa é diurética

[[{"fid":"","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_description[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{}}]]

Além de ser conhecida como um chá digestivo, a bebida feita a base de espinheira-santa também é considerada diurética. Rica em triterpenos, a erva, quando ingerida, estimula o organismo a eliminar todo o excesso de líquidos retido nas células, que é o que causa o inchaço.

Onde encontrar

A espinheira-santa pode ser encontrada ressecada e embalada em lojas de produtos naturais. É importante atentar-se a qualidade do produto para garantir que a erva esteja pura e seja de boa procedência.

Como consumir

O chá de espinheira-santa pode ser consumido após as refeições para ajudar na digestão. Para prepará-lo, ferva 3 colheres de sopa da erva com 500 ml de água, abafe, coe e tome. Acrescentar folhas de hortelã pode deixar o chá mais saboroso.