Jardim de inverno

jardim de inverno 1
Shutterstock

Em países de inverno rigoroso, os jardins internos, também conhecidos com jardins de inverno, são uma prática bastante comum. Os amantes da natureza não precisam esperar até que as temperaturas subam, para poderem ficar mais próximos da natureza. Basta arrumar um espacinho dentro de casa e montar um mini jardim, com plantas, árvores em miniatura, folhagens e flores.

Veja também: Como montar uma horta em casa Como aproveitar espaços pequenos Ideias para decorar com galhos e flores

No Brasil, apesar do clima ameno, os jardins de inverno ganharam sucesso e se tornaram uma opção para os moradores de apartamento e casas sem quintal. Quem quiser um espacinho verde no lar doce lar, não precisa de muito para montar o jardim interno. Com pouco dinheiro e muita criatividade é possível criar ótimas ideias de decoração.

Qualquer imóvel pode acomodar muito bem um jardim de inverno. O aumento no número de apartamentos no Brasil fez com que as pessoas usassem cada vez mais o conceito em suas casas. Dados do último censo demográfico divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) contabilizam um aumento de 43% no número de apartamentos, do ano 2000 para o ano de 2010. Além disso, o espaço das moradias está cada vez mais restrito e, em alguns casos, os apartamentos não têm nem mesmo uma sacada pequena.

[[{"fid":"","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_description[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{}}]]

Para montar um jardim de inverno, é preciso escolher um local que tenha janelas, paredes ou teto de vidro. Isso permite a entrada da luz no ambiente, viabilizando o processo de fotossíntese realizado pelas plantinhas. Se quiser plantar seu jardim diretamente no chão será preciso elaborar um sistema de escoamento de água, que seja ligado a um ralo ou à tubulação do imóvel. Se essa opção é inviável para a sua casa, prefira os vasos e jardineiras.

Na hora de escolher as plantas, prefira as folhagens que não necessitam de tanta luz. Elas são mais fáceis de cuidar e se adaptam melhor a espaços fechados. Os cactos, bromélias, espada de São Jorge e árvore da fortuna são alguns exemplos. Se quiser flores, será necessário um pouco mais de cuidados, pois elas são mais sensíveis e não duram tanto tempo quanto as folhagens. 

Para deixar o visual mais caprichado, invista em móveis e pedras decorativas, como o cascalho, a brita e a pedra branca. Os móveis em madeira e com estrutura de ferro são perfeitos para esse ambiente. Se quiser, compre mobília de segunda mão, com cara de “detonada”. Ela dará um visual muito interessante ao jardim de inverno. Objetos de decoração, como regadores vintage e vasos pintados à mão completam o visual.

Aproveite e veja o vídeo com dicas para montar sua hortinha em casa: