mulher

Má circulação > Previna-se

6472
Stock Photos

Sintomas

Não é difícil identificar má circulação. "Os sintomas mais comuns são dor, peso e cansaço nas pernas, seguido do aparecimento de vasinhos ou mesmo das varizes", alerta o médico. Pernas inchadas e câimbras podem ser um sinal de que algo não vai bem, evoluindo para problemas estéticos e complicações como tromboflebite e úlceras varicosas.

A má circulação não tem cura, mas é possível atenuar os sintomas

Outra doença derivada da má circulação, agravada pelos hormônios femininos, principalmente o estrógeno, é a trombose. Gravidez e até mesmo viagens longas de avião podem contribuir para desencadeá-la. De acordo com o angiologista, os sintomas são inchaços repentinos em uma ou nas duas pernas com dor e endurecimento da panturrilha. Caso você sinta algo parecido, procure imediatamente um pronto socorro ou cirurgião vascular.

Prevenção

As enfermidades derivadas da má circulação são associadas à má alimentação, ao consumo excessivo de álcool, ao tabagismo e ao sedentarismo. Alimentação regrada, vida saudável e prática de exercícios físicos podem ajudar - e bastante. Pense que a alimentação determina o estado de aquecimento do seu corpo. "Peixes de água fria, como o salmão, são excelentes para a circulação. A dieta deve incluir frutas, legumes e verduras frescos, além de pouco sal e nenhuma gordura", alerta a nutricionista Lílian Morais.

Dicas

Como é o sexo feminino a maior vítima das doenças circulatórias, aí vão algumas dicas do Dr. José João Lopes: "Evite o uso de anticoncepcionais e várias gestações, pois aumentam os níveis hormonais, cuide-se para não engordar, não fique muito tempo de pé e pratique exercícios físicos". É muito importante que você se exercite regularmente, pois dessa forma contribuirá para o seu próprio aquecimento central. Dê preferência aos exercícios aeróbicos que aceleram a respiração e permitem uma circulação mais eficiente.

É importante que, em qualquer época do ano, as artérias estejam livres e desimpedidas, em ótimas condições para que o sangue possa fluir livremente. Os efeitos para a saúde são inúmeros e até a beleza sai ganhando: seus cabelos, por exemplo, crescem mais e ficam mais bonitos com o sistema circulatório em dia - o couro cabeludo recebe mais vitaminas, aminoácidos e minerais.

A má circulação não tem cura, mas é possível atenuar os sintomas. "Para pequenos vasos, de até um milímetro de diâmetro, usamos a escleroterapia convencional (injeções) ou a escleroterapia a laser, onde não há cortes, as possibilidades de hematomas e inchaços são bem menores e a paciente pode retornar às suas atividades normais em, no máximo, dois dias. Já para as varizes o tratamento é feito com cirurgia", esclarece Dr. José João. "Mas o melhor caminho é a prevenção".

Leia também:

- Livres, leves e soltas- Não esconda as pernas por causa das varizes. Elas podem ser tratadas!

- Celulite: fim à arquiinimiga - Ela foi, é, e sempre será um tormento. Mas quando o frio chega, a coleção outono-inverno pode acabar camuflando a celulite e deixando-a – pasmem! – esquecida. Arregace as mangas e não se arrependa na próxima estação.- Guia das pernas bonitas - Verão é tempo de deixá-las à mostra. Então, cuide bem delas desde já!

Faça o teste:

- Como anda a sua saúde? O corpo é o nosso maior aliado. Quando algo não vai bem, ele é o primeiro a dar os sinais. Ficar atento ao que ele diz é fundamental para saber como anda a sua saúde. Responda ao questionário e descubra se está tudo bem com o seu corpo!