mulher

Emagreça através da homeopatia

homeopatia para emagrecer
Thinkstock

O processo de emagrecimento exige uma mudança completa nos hábitos físicos e alimentares do paciente, a fim de que se estabeleça o equilíbrio do organismo. Esta transformação, como todos sabem, é difícil, pois requer muito esforço e alguns "sacrifícios". Muitas vezes, a impossibilidade de uma pessoa em alcançar seu objetivo não se dá por falta de força de vontade, como muitos gostam de dizer. O problema pode e está frequentemente atrelado a questões mais profundas, como, por exemplo, o excesso de ansiedade e estresse – isso sem contar os distúrbios físicos que dificultam ou impedem o emagrecimento. Por conta disso, é importante que a pessoa que deseja emagrecer trate não somente a parte física do seu corpo, mas também da emocional, que interfere diretamente no processo.

Leia também:

Remédios homeopáticos: entenda a origem

Famosas fazem dieta sem glúten para perder peso em poucos dias

Medicamentos para emagrecer podem causar infarto

A homeopatia é capaz de auxiliar nesta questão. Criada por volta do ano de 1700, a medicina alternativa tem por objetivo tratar não apenas um sintoma, mas todas as disfunções presentes no organismo, a fim de reestabelecer seu equilíbrio.

O que é a homeopatia?

[[{"fid":"","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_description[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{}}]] O remédio homeopático pode ser em gotas ou glóbulos (Thinkstock)

"Na medicina tradicional, se um paciente apresenta dor de estômago devido à acidez, o médico irá prescrever um antiácido. Na homeopatia, ele vai buscar identificar por que o estômago está liberando mais ácido e tratar o paciente como um todo", explica a farmacêutica e homeopata Adriana Márcia Gonçalves.

Além desta, existe outra diferença fundamental entre os dois tipos de tratamento: enquanto a alopatia atua pela lei do contrário (ou seja, para acidez no estômago, receita-se antiácido), a homeopatia se baseia na lei do semelhante. Exatamente por isso, no início do tratamento, é comum que o paciente perceba uma piora nos sintomas, que ficam ainda mais agravados. "Isso é normal e quer dizer que a fórmula está funcionando", afirma Dra. Adriana.

De acordo com a especialista, a consulta com um médico homeopata dura de 1h30 a 2h30. Nela, o profissional vai verificar não só a parte clínica do paciente, através de exames físicos, mas também a parte emocional e comportamental, analisando sua alimentação, sua rotina, seu histórico, etc. A partir daí, ele desenvolve uma fórmula única e totalmente personalizada para o paciente.

Medicamento homeopático

A receita deve ser levada a uma farmácia de manipulação homeopática para que seja preparada. Segundo Dra. Adriana, a fórmula pode ser em gotas ou glóbulos e consumida algumas vezes ao dia ou em dose única. Justamente por serem personalizados, é absolutamente contraindicado consumir medicamentos receitados a outras pessoas.

O tratamento é feito até que o equilíbrio do organismo seja reestabelecido e a enfermidade seja curada – ou, neste caso, até que o paciente consiga atingir seu objetivo de emagrecer.

Por tratar o corpo como um todo, a especialista afirma que a terapia atua também de forma preventiva, fortalecendo o sistema imunológico e melhorando a resposta do organismo a outras patologias.

"O ideal é que o acompanhamento médico seja contínuo, com consultas anuais ou bianuais, dependendo do estilo de vida e ritmo de trabalho do paciente. Algumas profissões são mais estressantes do que outras, fazendo com que a pessoa não consiga manter seu equilíbrio", afirma a homeopata.

Emagrecimento

[[{"fid":"","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_description[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{}}]] Nos casos de ganho de peso por conta da ansiedade, a homeopatia é capaz de, sozinha, promover o emagrecimento (Shutterstock)

Em primeiro lugar, é preciso identificar os motivos que impedem que a pessoa atinja e mantenha seu peso ideal. Segundo Dra. Adriana, se o problema tiver origem hormonal ou genética, por exemplo, a homeopatia não será capaz de tratá-lo. "Neste caso, ela poderá complementar o tratamento tradicional. A homeopatia não cura todas as doenças. As mais graves, como o câncer, problemas no fígado ou no pulmão, por exemplo, precisam ser medicadas com os alopáticos clássicos", afirma.

De que forma, então, a homeopatia pode contribuir para o emagrecimento? "Nos casos de compulsão alimentar causada por estresse e ansiedade, a homeopatia , sozinha, pode resolver o problema e promover o emagrecimento rápido", garante a especialista.

"O medicamento é capaz de reduzir a ansiedade. Com isso, não só o paciente para de comer compulsivamente, mas há também uma modificação hormonal, com a maior liberação de enzimas no estômago", descreve. "Além de emagrecer, o paciente melhora e muito sua saúde", completa.

Dra. Adriana afirma, também, que o homeopata fará uma análise do paciente para decidir se há necessidade de combinar a medicação a uma dieta alimentar. Neste caso, o tratamento será conduzido em conjunto com um nutricionista.