mulher

Diferenças entre drenagem linfática e massagem modeladora

drenagem linfatica
Shutterstock

Quem quer se livrar de alguns quilinhos a mais sabe o que tem que fazer: aliar uma dieta balanceada a exercícios físicos. O problema é que, às vezes, por maior que seja o esforço, aquela gordura localizada teima em não ir embora e a retenção de líquidos faz com que o corpo pareça mais pesado do que realmente é.

Leia também:

Detox: 5 receitas de sucos para desinchar

Entenda mais sobre a drenagem linfática

Bebida alcoólica engorda e pode aumentar o risco de infarto

Para ajudar as mulheres neste processo, existem os tratamentos estéticos, como a drenagem linfática e massagem modeladora. Conheça as diferenças entre as duas técnicas e saiba qual é a mais indicada para o seu corpo.

Drenagem linfática manual

"A principal função da drenagem linfática é fazer a desintoxicação do sistema linfático. A técnica consiste em massagear o corpo, manual ou mecanicamente, atuando no local certo e imprimindo o ritmo exato. Estas massagens rítmicas ativam a circulação sanguínea, eliminando as toxinas e nutrindo os tecidos", explica a esteticista Kelly Souza da Clinica Viva Estética e Bem Estar.

[[{"fid":"","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_description[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{}}]] A drenagem ajuda o corpo a eliminar líquidos e se livrar do inchaço. Crédito: Thinkstock

Para quem é indicada?

Esta técnica é utilizada para diminuir a retenção de líquido e os incômodos trazidos por ela: inchaço, desconforto, abdômen saliente. Também é indicada para a recuperação de mulheres que passaram por intervenções cirúrgicas, como abdominoplastia, lipoaspiração ou que foram mães recentemente.

"A drenagem é ideal para combater a celulite, aliviar a dor das varizes e reduzir o desconforto durante o período pré-menstrual, quando as mulheres tendem a estar mais inchadas e com dores nas pernas", afirma a especialista.

Resultados da drenagem linfática

Ao término da sessão ou até mesmo durante o procedimento, é comum sentir vontade de fazer xixi e, de acordo com Kelly, a sensação de leveza e bem-estar vem logo em seguida. É importante ressaltar que a drenagem bem feita não deixa o corpo roxo ou dolorido. "Se a massagem for feita com muita força, pode lesar os vasos linfáticos, causando dor e gerando hematomas", explica.

Para alcançar um resultado satisfatório, é importante que sejam realizadas pelos menos 10 sessões divididas em duas por semana. As técnicas de ultrassom ou manta térmica com infravermelho podem ser realizadas juntamente com a drenagem linfática e potencializam o seu resultado, pois aumentam a circulação de líquidos e previnem a retenção destes.

Beber muita água e manter uma dieta balanceada rica em frutas, verduras e legumes ajuda o corpo a eliminar as toxinas e garante o sucesso do procedimento.

Massagem modeladora

Para quem é indicada?

[[{"fid":"","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_description[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{}}]] Crédito: Thinkstock

Nesta técnica, a esteticista realiza movimentos fortes e rápidos no corpo com a ajuda de cremes específicos para estimular a quebra da gordura. O objetivo do tratamento é reorganizar e modelar o tecido adiposo, proporcionando a perda de medidas, combatendo a gordura localizada e a celulite e garantindo curvas mais definidas.

Resultados da massagem modeladora

Nas primeiras sessões, é comum que a mulher sinta o corpo dolorido e até alguns hematomas leves podem estar presentes. Quando a esteticista aplica as duas técnicas ao mesmo tempo (drenagem linfática e modeladora), é comum que a mulher sinta vontade de ir ao banheiro. "As manobras realizas pelas esteticista quando percebe que a cliente está com o intestino preso fazem com que ela tenha vontade de evacuar", explica.

Com 10 sessões, é possível sentir os resultados do procedimento, que também deve ser realizado duas vezes por semana. É possível conciliar o tratamento com outros, como corrente russa, heccus, carboxterapia e ultrassom. Se não forem feito de maneira correta, os movimentos podem dilatar os vasos, provocando varizes, hematomas profundos e dores fortes.

Entre os tratamento estéticos mais eficientes está o freeze, que promete combater a gordura localizada e a celulite. Confira o vídeo e entenda um pouquinho mais sobre o método.