mulher

Açaí emagrece, mas os de supermercado podem engordar

acai fruta saude corpo engorda regime corte
Shutterstock

Já há tempos que o açaí figura entre as preferências dos brasileiros. Popularizada, a frutinha de origem amazônica se tornou sinônimo de alimentação saudável e passou a ser comercializada em mercados, restaurantes e lanchonetes. Mas aqueles potinhos industrializados facilmente encontrados por aí podem enganar quem acredita estar fazendo bem à saúde, enquanto, na verdade, está consumindo uma bomba calórica.

Leia também

Gergelim seca a barriga e ajuda a conquistar cinturinha dos sonhos

Dieta anticelulite indica Goji Berry para secar 4 kg em um mês

Shoyu engorda por ser bomba de sódio e traz riscos ao coração

"Os produtos preparados encontrados em lojas e supermercados contém xarope de guaraná, que é açúcar puro e deixa o açaí mais docinho, ao mesmo tempo em que aumenta e muito as calorias e os níveis de gordura", alerta a nutricionista Flávia Cyfer, que lembra ainda de outros acompanhamentos que podem fazer com que a frutinha engorde, como adicionar granola ou caldas doces.

A melhor forma de aproveitar os benefícios do açaí é ficando de olho nas informações nutricionais do produto, fugindo sempre dos que apresentarem o xarope em sua composição. Opte por consumir a polpa natural da fruta, sem adição de nenhum conservante..

Açaí emagrece!

Já ouviu dizer que o açaí é muito calórico? É bem verdade que não é das frutas mais magras que existem, mas, apesar disso, ele ajuda sim a emagrecer. Contraditório? A nutricionista explica. "Isso acontece graças ao poder antioxidante e anti-inflamatório, que auxilia a perder gordura. É assim: quando existe uma inflamação dentro do organismo, ele acaba produzindo substancias que estimulam a proliferação de células de gordura – isso pode acontecer com quem come muito açúcar, conservante, bebe demais ou está em estresse constante. Se você evita a inflamação, a gordura não se prolifera".

Por isso nem sempre a melhor maneira de contar uma dieta é pelas calorias. "Você pode fazer dieta com pouca caloria, mas altamente inflamatória. O que acontece nesse caso é que, por um momento, a pessoa emagrece diminuindo calorias, mas o processo inflamatório vai fazer aumentar a gordura depois", alerta Flávia.

Outros benefícios

Muito consumido por quem pratica atividades físicas, ele é realmente excelente para quem faz exercícios. Isso porque acelera o metabolismo e também promove benefícios por meio do seu poder antioxidante. "Quando uma pessoa corre muito ou malha muito pesado, o corpo apresenta um aumento natural de radicais livres, que são substâncias tóxicas, combatidas pelo poder do açaí", conta a nutricionista Flávia Cyfer, que indica consumir o alimento antes ou depois da prática de atividades.

Essa característica antioxidante que faz um detox no organismo está presente graças à substância antocianina, que é quem dá a ele essa cor mais arroxeada e se mostra eficiente na parte neural, sendo excelente para memória e concentração – assim como todas as frutas vermelhas. Também possui superoxido dismutase, diretamente relacionado à longevidade e prevenção de doenças. Além disso, tem alto teor de ferro e Vitamina B2, bons para combater a anemia.

Sugestão de consumo

Flávia dá algumas dicas de consumo mais saudáveis para aproveitar os benefícios do açaí. Escolha um desses preparos para ingerir uma vez ao dia.

- Bater a polpa orgânica com água de coco e um pouco de mel

- Bater a polpa orgânica com um pequeno punhado de uva passa e xarope de agave (mel extraído de um cacto usado no preparo de tequila e que não eleva a glicose, ótimo para adoçar)

- Preparar um copo de suco de açaí com água de coco, adicionando uma fruta que pode ser banana ou morango e uma colher de mel ou xarope de agave

- Bater a polpa do açaí com suco de uva integral, que traz inúmeros benefícios para a saúde e deixa com gosto mais adocicado sem precisar de açúcar

Você sempre pensou que o açaí fosse o inimigo número um do seu regime, certo? Agora que já sabe que, na verdade, ele pode te ajudar a emagrecer e perder medidas, desvende outros mitos que envolvem o mundo das dietas. Confira no vídeo!