mulher

3 doenças que impedem a perda de peso: como saber se você tem alguma?

dieta tisteza balanca
esolla/Shutterstock

Se você segue uma alimentação balanceada, têm bons hábitos, abriu mão dos doces, pratica exercícios regularmente e, ainda assim, não consegue vencer a luta contra a balança, saiba que pode estar sofrendo com algum tipo de condição silenciosa que atrapalham a perda de peso sem você perceber.

De acordo com a médica nutróloga Dra. Ana Luisa Vilela, especialista em emagrecimento da Clínica Slim Form, algumas doenças que nem sempre são facilmente identificadas podem impedir a perda de peso. Conheça algumas delas e verifique se você se identifica com os principais sintomas:

Hipotireoidismo

garganta pescoco tireoide 6
Thinkstock

O hipotireoidismo é uma condição identificada quando a glândula da tireoide não produz hormônios suficientes para suprir as necessidades do organismo. A doença pode ser detectada através de exames periódicos e laboratoriais ou mesmo através dos sintomas, que são: cansaço excessivo e sonolência, perda de memória, dores musculares e nas articulações, aumento dos níveis de colesterol no sangue, depressão, ressecamento da pele, unhas e queda de cabelo, além de prisão de ventre.

Intolerância alimentar

banheiro blusa vermelha principal 1
Thinkstock

Se você já tentou várias dietas, come de forma saudável, faz exercícios, mas não emagrece, saiba que pode sofrer de intolerância alimentar, que deixa o corpo permanentemente inflamado que, consequentemente, faz de tudo para manter seu peso para combater melhor o problema. Fissura exagerada por determinado alimento, acne que desafia diversos tratamentos, baixa imunidade, mal-estar, dor no abdome e diarreia são alguns dos sintomas da condição que podem surgir alguns dias após a ingestão do alimento. O paciente ainda pode desenvolver a intolerância por ter ingerido grandes quantidades do alimento ao longo de anos.

Estresse

estresse estudo prova
Rocky89/istock

O verdadeiro mal do século faz o organismo liberar cortisol, um hormônio capaz de acumular gordura abdominal. Além disso, a doença pode contribuir para o ganho de peso porque, muitas vezes, quem sofre da condição descontam o estado emocional em alimentos gordurosos. Os principais sintomas do estresse são: ansiedade excessiva, falta de apetite sexual, menstruação desregulada, aparecimento de espinhas na vida adulta, queda de cabelo, depressão e insônia.

Se você percebe alguns dos sintomas listados, deve então realizar consultas médicas para que o profissional faça uma avaliação e peça exames clínicos que vão indicar um diagnóstico certeiro para que a realização do tratamento seja eficaz e sem qualquer tipo de risco para a saúde.

5 passos simples:Sabia que é possível emagrecer DURANTE as refeições?