mulher

Vídeo impactante com crianças mostra como o racismo ainda está longe de acabar

video racismo criancas 1116 1400x800 2
Reprodução/Quebrando o Tabu

Ninguém nasce racista ou intolerante. O preconceito, seja ele de raça, orientação sexual ou religiosa, é um fenômeno social aprendido desde a infância, sem sequer darmos conta. Para comprovar o impacto do problema, o órgão mexicano Consejo Nacional Para Prevenir la Discriminación (CONAPRED) produziu um vídeo chocante que mostra como o racismo ainda está longe de acabar.

Leia também:

Filmado em 2011, a campanha ganhou visibilidade no Brasil após ser compartilhado pela página no Facebook "Quebrando o Tabu" e reflete como o racismo é algo que nós internalizamos desde pequenos, através da mídia, televisão ou até mesmo dos pais, criando uma equivocada visão de que negros são "feios" e "maus".

Reprodução

No vídeo, crianças ficam frente a frente a dois bonecos iguais, mas representando raças diferentes. Questionadas sobre qual dos dois brinquedos era mais bonito, mais perigoso ou mau, os pequenos davam respostas chocantes, com argumentos que claramente expõem um preconceito intrínseco. Confira abaixo a produção e reflita sobre o tema: