Sexo, menstruação, parto e mais: fotógrafa CHOCA com ensaio sobre corpo feminino

fotografa corpo feminino capa
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Diversas questões sobre o corpo feminino ainda são tabu. Não é à toa que mulheres amamentando em público, exercendo plenamente sua sexualidade ou recusando a depilação ainda são alvo de grandes polêmicas. Foi para questionar todos esses temas que envolvem o dito "mundo feminino" e que são encarados de forma tão diferentes para homens e mulheres que a fotógrafa taiwanesa Yung Cheng Lin criou uma série fotográfica intrigante, que, além de falar sobre o corpo físico, também questiona a função da mulher na sociedade.

Veja também:Decote pode, mas amamentar não? Vídeo mostra reações bem opostas a 2 situaçõesMãe faz filho de 6 anos levá-la para jantar semanalmente para ensinar respeitoDe que cor é o lápis "cor da pele"? Marca quebra preconceito e cria 12 "cores de pele"

As fotos, através de metáforas que beiram o surreal, recriam em corpos femininos os pelos, a menstruação, o sexo e até o parto - e também as opressões e violências. A série não só chama atenção pela criatividade com que foi feita e curiosidade que gera, como também pelo estranhamento que causa, fator importante para o estímulo à reflexão. Nas imagens, as características parecem muito estranhas – assim como a sociedade as encara - mas na realidade, no corpo feminino, deveria ser visto como normal.

Significado das fotos

Fotos artísticas como as feita pela fotógrafa não possuem significado objetivo e absoluto. Cada observador, ao olhar a montagem, recebe uma mensagem diferente de acordo com a sua capacidade criativa e experiências vividas ao longo de toda uma vida. Portanto, embora haja um suposto sentido, ele jamais será único. Neste caso, o mais válido é a interpretação pessoal e a reflexão que ela pode causar. 

fotografa corpo feminino 21
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Na imagem, embora a banana possa representar o órgão sexual masculino, a interpretação depende de cada receptor

fotografa corpo feminino 20
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

A mão levada à vulva pode fazer referência à masturbação

fotografa corpo feminino 19
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Os garfos encaixados entre a clavícula e o rosto podem remeter ao esforço constante que as mulheres fazem para se manter dentro dos padrões estéticos

fotografa corpo feminino 18
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Já os alfinetes na pele podem remeter aos pelos e a dor que a depilação pode causar

fotografa corpo feminino 17
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Assim como na imagem anterior, os adesivos podem remeter ao pelo e a complexa relação que as mulheres estabelecem com eles

fotografa corpo feminino 16
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Como em um banquete, a imagem pode remeter ao sexo, utilizando utensílios domésticos para a ilustração

fotografa corpo feminino 15
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

A imagem dos ossos da clavícula sendo evidenciados pode induzir ao esforço constante para manter-se magra

fotografa corpo feminino 14
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Os prendedores nas axilas podem fazer alusão aos pelos

fotografa corpo feminino 13
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

A pele sendo puxada pode remeter a busca constante pela magreza

fotografa corpo feminino 12
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

A depender da interpretação, que é sempre individual, a foto pode remeter ao parto, ao ato sexual ou ao orgasmo

fotografa corpo feminino 11
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Assim como nas outras fotos, a depender da interpretação individual, a imagem pode representar a dificuldade que mulheres têm de colocar-se com segurança em alguns momentos da vida

fotografa corpo feminino 10
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

As tachinhas nas costas remetendo ao formato do sutiã podem indicar o incômodo que a peça causa em algumas mulheres

fotografa corpo feminino 9
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

A foto, tentando criticar o reconhecimento que é dado às mulheres, pode significar metaforicamente o subestimo à inteligência feminina

fotografa corpo feminino 8
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Com sangue nos dedos e as pernas entre abertas, a imagem pode indicar a menstruação, tema que ainda é tabu

fotografa corpo feminino 7
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Com os braços erguidos em formato de círculo com um pedaço do cabelo, a foto pode, metaforicamente, fazer relação com o ânus

fotografa corpo feminino 6
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Com uma mordida, a imagem pode, a depender da interpretação individual, mostrar a agressividade das palavras

fotografa corpo feminino 5
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

A foto, de acordo com a vivência de cada observador, pode remeter à violência disfarçada de romantismo

fotografa corpo feminino 4
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Utilizando elementos simbólicos, a foto pode representar o ato sexual

fotografa corpo feminino 3
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Metaforicamente, a imagem pode fazer referência à violência simbólica ou à violência doméstica

fotografa corpo feminino 2
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

Com uma calcinha com biscoitos de bonequinhos, a imagem pode ilustrar o parto normal

fotografa corpo feminino 1
Crédito: Reprodução / Yung Cheng Lin

O pirulito próximo de uma língua e de cabelos pode fazer referência ao sexo oral