pop

Perfil de Rodrigo Santoro

perfil de rodrigo santoro

    Dados da celebridade:

  • Nome: Rodrigo Santoro
  • Data de nascimento: 31/12/1969
  • Signo: Leão
  • O que faz: Ator
  • Fatos curiosos: 1. No final de 2006, Santoro foi indicado, à frente de Brad Pitt, para o ranking dos homens mais sensuais do planeta promovido pela revista "People" (no topo da lista imperava George Clooney). 2. Para dar vida a Xerxes, no filme “300”, teve que raspar completamente o cabelo e cobrir o rosto com dezenas de piercings. Santoro foi indicado (ao lado dos premiados Jack Nicholson e Meryl Streep) para o prêmio MTV Movie Award de melhor vilão por sua atuação no filme.

    3. Nas horas de folga, Santoro surfa, joga futebol e medita − há alguns anos fez curso de meditação transcendental e pratica sempre que pode. 4. A cicatriz que possui na testa é consequência de uma pranchada que levou aos 12 anos, quando estava aprendendo a surfar. Ele também adora cavalos e monta desde os 14 anos.

    5. Rodrigo não era a primeira opção de Walter Salles para interpretar Tonho, personagem de “Abril Despedaçado”. O diretor mudou de ideia ao assistir trechos de “Bicho de Sete Cabeças”.

  • Biografia: Estudante de jornalismo da PUC do Rio de Janeiro, Rodrigo Santoro se matriculou na Oficina de Atores da Globo e chegou a ser reprovado em um teste para a minissérie "Sex Appeal". Santoro não desanimou e conseguiu entrar no elenco de "Pátria Minha", em 1994. A partir daí, não parou mais. O primeiro papel importante na televisão veio no ano seguinte, como o Serginho, de "Explode Coração". O romance do menino com uma mulher mais velha, interpretada por Renée de Vielmond, levantou o ibope da novela. Entre as minisséries, destacam-se "Hilda Furacão" (1998) e "Hoje É Dia de Maria" (2005). Em 2001, ao fazer o papel de um jovem internado à força num manicômio pela própria família − no filme "Bicho de Sete Cabeças", de Laís Bodanzky −, ele faturou os prêmios de melhor ator nos festivais de Brasília, Recife, Rio de Janeiro e de vários países sul-americanos. Em "Abril Despedaçado", de Walter Salles (indicado ao Globo de Ouro em 2002 como melhor filme estrangeiro), Santoro brilhou como Tonho, um homem quieto do sertão, sujo de lama dos pés à cabeça. Corajoso na escolha de papéis, impressionou como o travesti Lady Di, em Carandiru, de Hector Babenco, em 2003. Sua carreira internacional, iniciada em 2003, registra papéis em "As Panteras" e "Simplesmente Amor", no qual fez par romântico com Laura Linney. Em 2005, ao lado da atriz Nicole Kidman, gravou um comercial milionário para um perfume da Chanel. Em 2006, viveu Paulo, personagem da terceira temporada da série americana "Lost", que estreou no Brasil em março de 2007 no canal a cabo AXN. Em março de 2007, Santoro apareceu como vilão na produção canadense "300", do diretor Zack Snyder.