pop

Famosos que já sofreram discriminação

thammy miranda atriz

Racismo, homofobia e intolerância social são crimes que, infelizmente, ainda causam vítimas pelo mundo. Até mesmo as celebridades, que costumam ser amadas e aplaudidas em todo o mundo, já passaram por situações vexatórias envolvendo preconceito. Conheça a seguir alguns famosos que já sofreram discriminação:

preta gil cantora

Preta Gil

A cantora se sentiu ofendida e discriminada por uma declaração de Jair Bolsonaro. Em um programa de TV, o deputado federal afirmou que não permitiria que seu filho namorasse uma negra pois isso seria "promiscuidade". Na mesma entrevista, o político ainda criticou os homossexuais.

adriana bombom apresentadora

Adriana Bombom

Em 2008, quando ainda era casada com o cantor Dudu Nobre, a apresentadora afirmou que o casal sofreu racismo em um voo da companhia American Airlines. Ela conta que foi destratada por funcionários da empresa que chegaram a imitar macacos para provocá-los.

thammy miranda atriz curiosidades

Thammy Miranda

A atriz contou que foi vítima de homofobia quando estava com sua namorada em uma padaria de São Paulo. Segundo a filha de Gretchen, as duas foram abordadas por segurança e expulsas do estabelecimento por estarem trocando carícias no local.

jonathan azevedo ator

Jonathan Azevedo

O ator diz que foi vítima de racismo em um shopping do Rio de Janeiro ao ser abordado por um segurança que o confundiu com um pedinte.

thalma de freitas atriz

Thalma de Freitas

A atriz afirmou que sofreu preconceito da própria polícia do Rio de Janeiro ao ser abordada por guardas ao deixar a casa do namorado no Morro do Vidigal.

fabiana karla amor a vida

Fabiana Karla

A atriz conta que diversas vezes sentiu na pele o preconceito da sociedade, tanto por ser nordestina quanto por estar acima do peso.

rihanna cantora curiopsidades

Rihanna

A cantora usou seu perfil no Twitter para denunciar um caso de racismo que presenciou em um hotel de Lisboa, em Portugal. Segundo a popstar, um hóspede disparou seu ódio contra mulheres negras, chamando-as de vadias e cachorras.