glam

Cuidados com o couro cabeludo garantem cabelos mais saudáveis

2014 07 couro cabeludo
Thinkstock

Você sabia que os problemas capilares ocorrem aos maus cuidados com o couro cabeludo? Saiba mais.

Leia também:

Produtos que deixam os cabelos mais bonitos

Queda de cabelo: sete cuidados para evitar

Como cuidar dos cabelos oleosos no inverno

O que é o couro cabeludo?

O couro cabelo é uma estrutura que apresenta diversas características e qualidades. Sua pele cobre parcialmente as porções laterais da cabeça e totalmente a porção posterior e superior da mesma. um couro cabeludo em sua plena saúde deve estar sempre bem nutrido, higienizado e trabalhando com seu melhor potencial.

Observa-se, assim, que o couro cabelo nestas situações deva estar produzindo fios de cabelo de excelente qualidade e uma secreção conhecida como manto hidrolipídico (mistura de elementos que fazem parte do suor e outros que fazem parte do sebo), de forma equilibrada. Alterações no couro cabelo que implicam ressecamento, inflamações, excesso de oleosidade, infecções e outras manifestações menos frequentes podem definir ou aparece em conjunto com doenças que alteram a qualidade do couro cabeludo podendo, inclusive, promover perda capilar.

Entende-se que um couro cabeludo saudável deve ser higienizado frequentemente (em dias alternados se não for oleoso e diariamente se for oleoso), com água e de preferência morna ou fresca para manter a secreção do sebo em proporções ideais (é sabido que água muito quente estimula a secreção de sebo em maior quantidade pela pele), deve ser massageado no banho de forma delicada para promover relaxamento e estimular a circulação, assim como deverá ser protegido quanto a agressões solares quando no caso de pessoas calvas ou com cabelos mais ralos.

Para cuidar do couro cabeludo sem errar

Assim como outras partes do nosso corpo, o couro cabeludo é recoberto pelo manto hidrolipídico, que é formado pela secreção das glândulas sudoríparas e sebáceas e tem uma função importantíssima de proteção da pele e dos fios, mantendo a hidratação e a elasticidade. Porém, essas glândulas precisam trabalhar de maneira equilibrada, evitando que ocorra a oleosidade excessiva, deixando os fios pesados, opacos e sem vida. Além disto, o excesso de oleosidade, aliado à temperatura corporal, torna o couro cabeludo um local próprio para o crescimento de micro-organismos, como os fungos e bactérias causadores da caspa. Por outro lado, se a oleosidade natural for retirada em excesso, ocorrerá o ressacamento, deixando os fios rebeldes e armados. Para não comprometer a saúde e beleza do cabelo, é imprescindível cuidar bem do couro cabeludo.

Veja mais matérias como essa em Editora Minuano