glam

Bigode chinês: 4 melhores dicas para amenizar as marcas

bigode chines
Thinkstock e Arte Bolsa de Mulher

Bigode chinês pode ser sinal de tempo, já que a linha de expressão também é resultado do envelhecimento, mas também consequência de alguns hábitos errados. Os primeiros indícios dessas marcas podem aparecer já a partir dos 30 anos, caso seja um traço hereditário.

Leia também:9 hábitos que criam rugas: do chiclete à posição do travesseiroBigode chinês: como evitar ou corrigirCoisas que ninguém te fala sobre tirar o buço

É possível, no entanto, atrasar o aparecimento da ruga, que é uma das mais temidas pelas mulheres, e até mesmo esconder seu aspecto. Veja abaixo 4 melhores dicas para amenizar bigode chinês:

Linhas de expressão: como evitar de forma natural

Aposte no filtro solar e cremes específicosPara prevenir quaisquer sinais do tempo, é sempre recomendável o uso de filtro solar. Mas também existem e de produtos específicos à base de ácidos retinóico, glicólico e hialurônico que podem ajudar a retardar e até suavizar o problema.

Pratique massagem e ginástica facialPara tonificar a pele, relaxar possíveis tensões musculares e promover a oxigenação do local, invista em exercícios de ginástica facial ou alguns minutinhos de massagem. Você pode fazer sozinha, num momento de relaxamento, ou junto com aplicação do hidratante.

evite bigode chines 2
Thinkstock

Disfarce com maquiagem suaveÉ importante que pó compacto bem suave, para ser apenas pincelado sobre a maquiagem. É que o excesso de qualquer produto vai surtir o efeito contrário na pele, fazendo o vinco mais evidente. Outra dica é usar o corretivo um tom abaixo do da sua pele e priorizar base líquida ou canetas corretoras que já são iluminadoras.

Troque vício por hábito saudávelClaro que cuidados adicionais com a saúde do organismo, como não fumar, ter uma alimentação rica e bem hidratada, evitar efeito sanfona previnem o aparecimento das marquinhas. Mas atenção ainda para outros hábitos viciados, como os de fazer caretas, mastigar de um lado só da mandíbula, ou dormir amassando o rosto.