glam

Argila elimina espinhas, evita rugas e deixa pele macia

argila tratamento beleza pele macia

Cada vez mais pessoas estão se tornando adeptas dos recursos naturais para cuidar da beleza e prevenir os efeitos do tempo. Um dos produtos mais eficazes é a argila, por possuir ações bactericidas, regeneradoras, antiinflamatórias e anti-sépticas para o tecido cutâneo. "A argila sulfurosa é muito rica em nutrientes como ferro, silício e potássio.  Esse tratamento milenar era muito empregado pelos povos da antiguidade, como os egípcios, que já conheciam os benefícios dos banhos argilosos assim como os nativos da Amazônia", afirma a médica naturalista portuguesa Maria Amélia Ferreira Ramos.

Leia também:

Peeling: o que é e como funciona

Tratamentos dermatológicos com ácidos

Como tirar cicatrizes e marcas do corpo

Há mais de 40 anos ela estuda os resultados obtidos pela fauna e flora da Amazônia, atestando a eficácia desses métodos e recomendando procedimentos e ativos naturais para cuidar da pele.

Beneficios da argila para a pele

Para a especialista, a prevenção continua sendo o melhor caminho. Ela diz que, com o uso da argila para a pele, em geral, os resultados costumam ser promissores. "Devido à textura arenosa, a argila é capaz de promover uma espécie de peeling, porque promove uma esfoliação da pele que além de renovar as células, absorve as impurezas, revigora os tecidos, ativa a circulação e realiza uma limpeza profunda", explica.

Segundo ela, a argila pode ser usada em todos os tipos de pele, proporcionando a prevenção do aparecimento de rugas, manchas e envelhecimento, além de eliminar cravos e espinhas, deixando a pele macia e sedosa. Mas faz uma ressalva: não é qualquer argila que pode ser manipulada, apenas a argila sulfurosa, extraída há mais de trinta metros abaixo do solo, porque é nela que se encontram e se acumulam as reais propriedades cosméticas e terapêuticas.

Ela indica ainda o uso da argila associada à andiroba, óleo extraído da semente do fruto dessa árvore que é  rico em vitamina A e E e possui a capacidade de proteger a pele e prevenir contra rugas e radicais livres. Outra combinação sugerida é com a copaíba, que também tem ação antiinflamatória e antiséptica.  "Essa aliança amplia as possibilidades dos efeitos da argila, ou seja, podem ser aproveitadas isoladamente ou agregados a outros materiais que aprimoraram ainda mais a melhoria da pele, pois as associações acabam por intensificar sua eficácia", garante.

O teste te ajuda a descobrir se você está cuidando bem da sua pele: