mulher

Gravidez aos 40 anos

gravidez aos 40 anos think177017959
gravidez-aos-40-anos-think177017959

Quem espera muito tempo para engravidar pode acabar passando por dificuldades na hora de resolver ter um filho. Isso porque a fertilidade da mulher começa a diminuir por volta dos 25 anos e segue decaindo conforme a idade vai passando. O problema é ainda maior para quem quer ficar grávida depois dos 40, idade em que a tendência é despencar de vez as chances de uma gravidez natural.

Leia também

Leite materno pode ser fraco ou insuficiente para o bebê?

Desnutrição na gravidez compromete a criança

Quem tem diabetes pode engravidar?

Fertilidade após os 40 anos

A fase marca o que seria o início da menopausa na grande maioria das mulheres. Esse período faz com que os ovários fiquem inativos. Dessa forma, eles não liberam o óvulo para que seja fecundado pelo espermatozoide.

Contudo, não há uma idade certa para que esse fenômeno aconteça. Sendo assim, é possível que algumas mulheres engravidem depois de completarem 40 anos. Porém, mesmo assim, é essencial o acompanhamento médico cuidadoso, já que a idade pode trazer riscos para a gestação. "Pesquisas em todo mundo apontam que a fase reprodutiva da mulher é de até 48 anos e após essa idade os riscos são evidentes", explica o coordenador da Câmara Técnica de Reprodução Assistida do Conselho Federal de Medicina (CFM), José Hiran Gallo.

Riscos de uma gravidez tardia

A mulher que tem idade mais avançada pode sofrer com mais problemas de saúde. Elevam-se, por exemplo, os casos de hipertensão na gravidez e também de diabetes.  Além disso, são maiores os casos de partos prematuros e nascimento do bebê abaixo do peso.

Tratamentos para engravidar

Se houver dificuldades para engravidar, alguns tratamentos para fertilidade podem ajudar.  "Se a mulher deseja muito engravidar, poderá recorrer aos procedimentos de reprodução assistida, como por exemplo, a Fertilização In Vitro (FIV), utilizando óvulos doados ou utilizando seus próprios óvulos para serem fertilizados, caso já tenham realizado um congelamento preventivo", explica a especialista em fertilidade Dra. Paula Bortolai Martins Araújo.

Além de passar pelo passo a passo da fertilização in vitro, a mulher que pretende engravidar após a menopausa precisa de medicações que façam com que ela menstrue novamente. "Isto porque, não seria possível somente colocar o embrião no colo do útero, já que o risco de aborto espontâneo seria maior", alerta a médica.

No Brasil, a idade máxima para uma mulher se submeter às técnicas de reprodução assistida é de 50 anos. Segundo a profissional, é essencial que a futura mamãe receba suporte durante toda a gestação e não seja portadora de doenças como cardiopatias, hipertensão arterial e diabetes. "Tentar engravidar na menopausa ou após os 40 anos é uma decisão que deve ser tomada com bastante cuidado e com aconselhamento e acompanhamento médico adequado, além do essencial apoio familiar incondicional".