​Gêmeos podem nascer em dias diferentes. Entenda o que acontece

gemeos nascem dias diferentes 1
Crédito: Thinkstock

Idênticos ou não, a data de nascimento de gêmeos, na maioria dos casos, é sempre a mesma. No entanto, de acordo com especialistas, esta não é uma obrigatoriedade, já que eles podem ter sido fecundados em momentos distintos e, portanto, nascer em dias diferentes.

Veja também:30 fotos incríveis de dentro da barriga: do início ao fim da gravidez8 sensações surpreendentes que o bebê sente ainda na barrigaComo é o parto normal: vídeos mostra todas as fases do nascimento

Gêmeos idênticos x gêmeos diferentes

De acordo com a obstetriz Arielle Matos, gêmeos idênticos são aqueles chamados de monozigóticos. "O zigoto surge a partir da fecundação de apenas um oócito e um espermatozoide e, no processo de multiplicação celular, se divide e da origem a dois bebês do mesmo sexo e com as mesmas caraterísticas físicas", explica.

Já o os dizigóticos ou gêmeos diferentes são aqueles originados a partir da fecundação de dois oócitos – comumente chamado de óvulo - e dois espermatozoides diferentes, formando dois zigotos. "Eles podem ser do mesmo sexo ou não e apresentam características diferentes entre si", conta a obstetriz. Além disso, eles também pode ser de pais diferentes.

Nascimento de gêmeos

gemeos nascem dias diferentes 2
Crédito: Thinkstock

Gêmeos dizigóticos podem ser fecundados em momentos distintos e, consequentemente, nascer em momentos diferentes. De acordo com o ginecologista e obstetra da Clínica Mãe Alfonso Massanguer, isto acontece porque o organismo feminino pode, em raras situações, ovular duas vezes no mesmo ciclo em momentos diferentes e ter os dois oócitos fecundados.

"Gêmeos podem ser gerados no mesmo ou dia em dias diferentes dependendo do dia da ovulação, da atividade sexual e do tempo que os espermatozoides permanecem viáveis dentro do útero", reforça Arielle. Segundo aobstetriz, os espermatozoides podem sobreviver, em média, 72 horas dentro do útero. Na primeira hipótese a mulher libera dois oócitos com intervalo de dois ou três dias e, ainda assim, o segundo é fecundado pelo espermatozoide ainda viável. Ou então, ao liberar o segundo tempos depois, ela tem relações sexuais novamente e um dos novosespermatozoides fecunda o segundo oócito.

Nestes casos onde o zigoto é formando em datas distintas, a idade gestacional dos fetos também será diferente. "Geralmente durante o parto os dois nascem de uma vez, mas há relatos em que o segundo bebê nasce dias depois. Vai depender de cada caso, da via de parto e da vitalidade desses fetos", explica.

Gêmeos nascem em datas diferentes?

gemeos nascem dias diferentes 3
Crédito: Thinkstock

De acordo com Arielle, no Brasil é difícil presenciar casos como este porque geralmente as gestações gemelares são submetidas à cesarianas. No, entanto, como no exterior os índices de parto normal são mais alto, a observação deste tipo de fenômeno é maior.

Casos

Embora raro, no Guarujá, SP, em novembro de 2014 Carolina Aparecida Menezes, de 26 anos, teve seus filhos gêmeos em dias diferentes. Kaique foi o primeiro a nascer prematuro de parto normal. Kevyn, que continuou noútero, foi monitorado pela equipe médica e só veio ao mundo 4 dias depois, através de uma cesariana.

Em 2010, outro caso chamou atenção nos Estados Unidos. Adam nasceu prematuro e foi encaminhado para a UTI neonatal com urgência. Jason, seu irmão idêntico, continuou sendo gestado pela mãe e nasceu depois de 15 semanasapós o primeiro parto, dentro da data prevista.

De acordo com o médico ginecologista Raul Silva, em entrevista ao site da Globo, na literatura médica os registros mostram que na maioria dos casos o segundo bebê fica até no máximo 3 semanas dentro da barriga da mãe após o nascimento do irmão. "Ele não aguenta muito. Mas, de qualquer forma, quanto mais tempo lá dentro, melhor para a evolução da criança", diz.

Gêmeos nascem de parto normal ou cesárea?

A via de nascimento está diretamente relacionada a possibilidade de gêmeos nascerem em datas diferentes. "O parto normal é sempre indicado e a gestação gemelar não é uma indicação real de cesárea", explica Arielle.

Embora tenha mais riscos do que uma gravidez única, eles ainda são menores se comparados com a cesariana. "Parto normal de gêmeos é possível e indicado, mas deve ser bem monitorado e atendido por uma equipe capacitada para este tipo de atendimento", finaliza a obstetriz.​