mulher

Inchaço na gravidez: médico lista 8 dicas para controlar o problema

como diminuir inchaco na gavidez 3

Popularmente conhecido como inchaço, o edema na gravidez é comum e afeta boa parte das mulheres. Caracterizado pela vasodilatação especialmente nas pernas, pés e tornozelos, o problema faz com que o corpo retenha muito líquido e dificulta a circulação sanguínea. "Isso acontece porque o corpo precisa manter a temperatura estável. No entanto, esse inchaço prejudica a absorção de líquidos pelo sistema linfático e dificulta o retorno do sangue das pernas para o coração", explica o angiologista Dr. Ary Elwing, especialista em cirurgia vascular periférica e tratamento a laser.

Leia também: Inchaço repentino pode colocar gravidez em riscoPressão alta é a principal causa de morte entre as gestantesTrombose na gravidez pode provocar aborto

Segundo o especialista, o problema pode ocorrer do início ao final da gravidez e, no calor, a incidência de edema é ainda mais frequente. "O inchaço corporal nos primeiros meses ocorre porque no período gestacional a mulher passa por mudanças hormonais, entre elas, o aumento da progesterona, principal responsável pela retenção de líquido. Outro hormônio, a aldosterona que afeta o transporte de nutrientes durante a gestação, tendo como consequência o edema nos pés e nas pernas", afirma.

como diminuir inchaco na gavidez 2
Thinkstock

Como evitar inchaço na gravidez?

A boa notícia é que algumas atitudes simples no dia a dia ajudam a reduzir o inchaço, de maneira que a circulação sanguínea não seja prejudicada. O Dr. Ary lista os principais cuidados que as grávidas devem ter para controlar o problema:

  • Beba muita água. O mais indicado é consumir entre 2 e 3 litros por dia, o que ajuda a acelerar o funcionamento dos rins e, assim, diminuir o inchaço.
  • Diminua o consumo de industrializados, que são ricos em sódio, gorduras e conservantes que fazem mal ao organismo e dificultam a circulação sanguínea.
  • Evite ficar muito tempo em pé, isso favorece o acúmulo de líquido nos membros inferiores. Para quem trabalha sentada, o mais indicado é fazer pequenas caminhadas durante o dia.
  • Na hora de dormir, eleve os pés por alguns minutos para melhorar o retorno venoso. Depois, vire de lado e coloque um travesseiro entre as pernas, isso ajuda a melhorar circulação sanguínea.[[{"fid":"117626","view_mode":"default","fields":{"format":"default","field_file_image_alt_text[und][0][value]":"como-diminuir-inchaco-na-gavidez-1.jpg","field_file_image_title_text[und][0][value]":"como-diminuir-inchaco-na-gavidez-1.jpg","field_file_image_copyright_overriden[und][0][value]":"Thinkstock","field_file_image_description[und][0][value]":"","field_link[und][0][title]":"","field_link[und][0][url]":"","field_file_image_id[und][0][value]":""},"type":"media","link_text":null,"attributes":{"class":"media-element file-default"}}]]
  • Evite usar roupas muito apertadas, que também dificultam o transporte de líquidos e sangue pelo corpo.
  • Evite usar salto alto durante a gravidez, o formato do sapato prejudica o bombeamento de sangue das pernas para o coração, piorando o inchaço e as dores na coluna.
  • Evite sentar com as penas cruzadas, isso pode agravar câimbras e formigamento, já que atrapalha a livre circulação de sangue.
  • Faça exercícios leves regularmente. Caminhar, por exemplo, é importante para melhorar o fluxo de sangue, prevenir o aparecimento de varizes e a dilatação dos vasos.